abs news - dezembro 2014

Click here to load reader

Post on 06-Apr-2016

227 views

Category:

Documents

0 download

Embed Size (px)

DESCRIPTION

ABS NEWS - Dezembro 2014

TRANSCRIPT

  • ABS NewsUBERABA BRASIL DEZEMBRO 2014

    LUCRO CERTO TRANSFORMAO DE OLHO NO BRASIL

    SIM!NA ABS O CONE DA RAA CONTINUA VIVO.

    TEATRO IIEspantoso x Efalc Nata Lageado

    A gentica e a tecnologia mudam o serto

    Especialista comenta mercado da carne

    No Brasil, CEO da Genus estuda investimentos

  • ExpedienteABS News um informativo Institucional da ABS Pecplan

    ABS Pecplan Importao e Exportao Ltda.Rod. BR 050 - Km 196 - Delta MG / CEP 38108-000(34) 3319-5400 - www.abspecplan.com.br

    Jornalista ResponsvelFaeza Rezende - MTB 12323/[email protected]

    CoordenaoLivia Frana - Gerente de Comunicao

    ApoioCssia Parreira - Analista de Comunicao

    Projeto Grfico e Diagramaowww.nativapropaganda.com.br

    tempo de nos prepararmos para receber a estao do leite

    Dezembro chega na ABS trazendo a misso de nos preparar para a estao mais importante do leite que inicia em fevereiro. Para uma empresa de gentica, o apoio nas decises de acasalamento uma grande responsabilidade e, portanto, anualmente, realizamos um treinamento do nosso programa GMS com toda equipe tcnica. Este ano, o local escolhido foi a regio de Castro, no Paran, que ainda nos permitiu avaliar o fantstico trabalho que o GMS tem feito por l. Em 2015, nossa expectativa recomendar acasalamento em mais de 250 mil animais e realizar auditorias genticas em mais de 600 rebanhos, porque, afinal, como sempre dizemos, A SUA DECISO GENTICA DE HOJE IR REFLETIR NA QUALIDADE DE SUAS NOVILHAS DE 1 CRIA EM 2018.

    Ainda pensando no leite, nossos gerentes de produto trazem para voc algumas novidades nas raas Holandesa, Jersey e Girolando que j esto disponveis.

    No Gir Leiteiro, um fato marca esta virada de ano. Exatamente no ltimo ABS News de 2013 estvamos fazendo um reconhecimento ao touro Teatro da Silvania e ao legado que ele havia deixado por todo Brasil, mas no podamos imaginar que passados 12 meses iramos poder trazer de volta esta gentica que ainda tem muito o que contribuir aos nossos clientes. Teatro II o primeiro clone da raa a ser comercializado no mundo.

    Aos leitores do corte, temos uma tima entrevista com Roberto Barcellos da Beef&Veal que acerta na mosca em dizer que o bezerro tem que ser vendido por quilo vivo se quisermos valorizar a deciso do pecuarista em trabalhar uma melhor gentica materna e paterna.

    Dezembro tambm um perodo de reflexo e as belas imagens do Concurso Olhar Rural conseguiram capturar e trazer para vocs a Paz e a Harmonia necessrias para renovar nossos melhores votos de um Feliz Natal e um Prspero Ano Novo.

    ABS News

    Editorial

    Mrcio NeryDiretor Geral ABS Pecplan

  • NDICE

    Departamento Leite ABS passa por treinamentoem GMS e visita propriedades em Castro (PR)

    APRENDENDO NA PRTICA04 34

    18 Tour visitou fazendas que conquistaram o sucessona produo leiteira no meio do serto cearenseA GENTICA E A TECNOLOGIA QUE TRANSFORMAM

    25 Clientes ABS ganham oito novas opes emgentica Leite Tropical BATERIA REFORADA

    28 Teatro 2, clone perfeito do cone da pecuria leiteira, comea a produzir smen na central da ABS1 CLONE GIR NA CENTRAL

    Gerente da pasta Leite Europeu anuncia mudanasna base gentica

    INFORME TCNICO11

    ENTREVISTA

    O ABS News conversou com um dos maiores especialistas do pas sobre o bom momento do mercado da pecuria de corte49RESULTADO NO CAMPO

    A segunda edio da coluna mostra o desempenhoda gentica ABS no estado de Mato Grosso do Sul 51

    Gerente da pasta Corte Europeu fala sobre a imporncia do Fertillity Plus para aumentar ndice de fertilidade nas fazendas

    A FERRAMENTA PARA ESTAO4437 Srie de eventos em 2014 chega ao fim e ABScomemora participaoCIRCUITO EXPOCORTE

    30Comitiva internacional da Genus passa trs dias percorrendo vrias regies do pas

    DE OLHO NO BRASIL

    Shottle se despede da bateria, depois de produzir mais de um milho de doses

    O CONE SE APOSENTA 53 As atividades e os eventos que movimentaramo mundo da gentica nos ltimos mesesNOTAS E DESTAQUES

    56 ABS apresenta resultado do Concurso Olhar Rurale as fotos que vo ilustrar o Calendrio 2015AS ESCOLHIDAS32

    Um panorama sobre as raas de corte europeias,com ajuda dos maiores especialistas do pas

    MERCADO CRESCENTE

  • De olho no GMS: Departamento leite passa por atualizao

    Com foco no programa de acasalamento da ABS, tcnicos participaram de treinamento em Castro (PR), uma das mais importantes bacias leiteiras do pas

    LEITE EUROPEU

    Durante cinco dias do ms de novembro, a equipe tcnica do departamento de Leite da ABS, incluindo avaliadores, gerentes e representantes comerciais, passou por treinamento na regio de Castro (PR). A programao, que incluiu palestras tericas e parte prtica com o Tour da Prognie, serviu para atualizao do grupo quanto ao programa de acasalamento da empresa, o GMS (Sistema de Manejo Gentico).

    Marcello Mamedes, gerente de Produto Leite Europeu da ABS e organizador do evento, conta que com a capacitao anual do time, a empresa busca uma padronizao cada vez maior dos procedimentos que envolve o programa de seleo, desde a montagem do Master Plan at as Avaliaes Lineares.

    Encontro anual de atualizao contou com palestras sobre as novas ferramentas do GMS Pg. 4

  • O GMS baseado em ndices mnimos de produo e tipo (nfase em %). O sistema oferece ferramentas que auxiliam os produtores de leite a atingirem suas metas, com recomendaes de acasalamento slidas, e no tendenciosas. Durante o encontro, foram apresentadas as novidades no programa, que entraro em funcionamento em 2015. O GMS vai passar por uma reformulao para que possamos entregar os melhores resultados e solues genticas para os produtores. E uma das grandes novidades que teremos ser a incluso das avaliaes genmicas de fmeas dentro do programa para efetuar o acasalamento, conta Mamedes.

    Para o responsvel pela H.Sires Genetics (representante ABS na regio de Castro), Ademilson Machado, essa modernizao do sistema muito importante. Contamos muito com essa reestruturao do GMS, j que o sistema indispensvel para seguirmos na liderana, avalia.

    Ainda na programao terica, o grupo aproveitou a oportunidade para discutir a mudana de Base Gentica, com a nova rodada de provas a partir da primeira semana de dezembro. A cada cinco anos, a Base Gentica Americana alterada, visto o melhoramento das fmeas neste perodo. Portanto, teremos um ajuste das PTAs

    (Habilidades Previstas de Transmisso), ressalta Marcello Mamedes, acrescentando que tambm sofrero mudanas as frmulas do TPI (ndice de Performance Total) e do NM$ (Mrito Lquido Vitalcio). O peso de fertilidade ser aumentado e um novo ndice de eficincia alimentar ser incluso.

    Sem dvida, foi um dos melhores cursos de atualizao que j fiz. O contedo foi repassado de forma bem didtica, desde a montagem dos Master Plans, at o envio e processamento do GMS para facilitar e diminuir o tempo de retorno dos resultados, ressalta Welliam Sleutjes, consultor GMS.

    Ao todo, cerca de 20 profissionais da ABS, de todas as regies brasileiras, participaram do encontro. Como estiveram reunidos todos os tcnicos, desde o Cear at o Rio Grande do Sul, a iniciativa possibilitou, alm do treinamento, a oportunidade de compartilhar conhecimentos e informaes de diferentes realidades do Brasil onde o Sistema de Manejo Gentico implantado, afirma Adolfo Ferreira, tcnico do departamento Leite.

    Foi um prazer estar presente para fazer um levantamento de todas as necessidades dos nossos produtores para esta mudana e ser o porta voz do Brasil nesta nova fase do GMS, comemora Klaus Hanser de Freitas, gerente de produto Leite Amrica Latina.

    Pg. 5

  • Tour de Prognie visitou cinco fazendas

    Treinamento contou com parte prtica, com roteiro pelo interior do Paran, onde os tcnicos da ABS vistoriaram filhas de touros oriundos do GMS

    A atualizao anual da equipe do Departamento Leite aconteceu entre os dias 10 a 14 de novembro. Alm da parte terica, a programao contou com um Tour de Prognie, onde a equipe pde conferir de perto o resultado do programa de acasalamento em cinco fazendas no interior do Paran (PR). A regio de Castro foi escolhida para sediar o evento pelo seu potencial gentico, j que considerada uma das mais importantes bacias leiteiras do pas, e tambm pela parceria forte que a ABS mantm com os criadores.

    O responsvel pela H.Sires Genetics (representante ABS na regio de Castro), Ademilson Machado, comemorou a escolha e destacou o envolvimento de todos os produtores e funcionrios das fazendas para o sucesso do tour. Foi muito bom ver a satisfao dos pecuaristas ao verem seus animais lado a lado e os resultados que conquistaram. Percebi que estamos entregando o que prometemos, comenta.

    O roteiro comeou pela fazenda Ana Thalea, em Castro (PR), do pecuarista Roberto Borg. Na propriedade, so 430 fmeas em lactao com mdia de 32 kg/dia. Vacas extremamente funcionais para o sistema manejo intensivo, beres de excelente qualidade em todos os ngulos, pernas e ps corretos e muito volume de leite,

    comenta Marcello Mamedes, gerente de Produto Leite Europeu da ABS e organizador do evento.

    A seleo tem parceria com a ABS h 12 anos e no rebanho destacam-se as filhas dos touros Gerard, Shottle e Bolton. Alm disso, a fazenda tambm utiliza os touros Dorcy, Trigger, Cancun, Casual, Ezra, Chase e Silver.

    Na fazenda Ana Thalea, em Castro (PR), so 430 fmeas em lactao

    Equipe ABS, durante parada na fazenda Ana Thalea, em Castro (PR)

    LEITE EUROPEU

    Pg. 6

  • Na fazenda do pecuarista Leendert Noordegraaf, so 120 vacas em sistema freestall

    No segundo dia de estrada, a comitiva seguiu para o municpio de Arapoti (PR). L, duas fazendas foram visitadas. Na do pecuarista Leendert Noordegraaf, a comitiva encontrou 120 vacas criadas em sistema freestall. No rebanho, com filhas de Sentry, Magnetism e Jammer, o grupo pde praticar avaliao linear. So duas ordenhas por dia e uma produo mdia de 35 kg/dia vaca, conta Mamedes.

    Em Arapoti (PR), na fazenda do pecuarista Leendert Noordeg, grande parceiro ABS

    Na fazenda do pecuaristas Leendert Noordegraaf , o grupo pode praticar avaliao linear

    Pg. 7

  • Ainda em Arapoti, foi visitada a propriedade de Jan Noordegraaf, que possui 300 vacas em lactao. Na propriedade, o grupo pde vistoriar prognies resultados de acasalamento de GMS, frutos de touros como Homestead, Bolton, Magnetism, Ashmore e Shottle.

    A equipe voltou para a cidade de Castro (PR) para visitar um dos mais importantes plantis leiteiros do pas: a fazenda Fini, de Hans Jan Groenwold, que tambm presidente da Associao Paranaense e Brasileira de Gado Holands. O rebanho conta com cerca de 800 vacas em lactao, com uma mdia de 42 kg/dia vaca. As filhas de Shottle, Bolton e Roy impressionaram muito o grupo. Grande destaque para uma filha de ROY Classificada EX-93 com lactao acumulada prximo de 120 mil kg de leite, ressalta Mamedes.

    Na propriedade de Jan Noordegraaf, que possui 300 vacas em lactao

    Equipe ABS visitou um dos mais importantes plantis leiteiros do pas, a fazenda Fini, de Hans Jan Groenwold

    A fazenda Fini, de Hans Jan Groenwold, conta com cerca de 800 vacas em lactao

    Em Arapoti, na propriedade de Jan Noordegraaf, uma das prognies resultados de acasalamento de GMS

    Pg. 8

  • A raa Jersey, uma das que mais cresce em vendas de smen no mundo, tambm entrou no roteiro. Na fazenda de Marcos Van Der Vine, o grupo vistoriou vrias filhas de Legal, Iatola e Amity, em lactao.

    O roteiro da semana terminou na propriedade de Raul e Klazina Los, tambm em Castro (PR), que se destaca pela qualidade do leite, sendo premiada

    A qualidade e a beleza de animais da raa Jersey chamaram ateno durante visita a fazenda de Marcos Van Der Vine

    Tcnicos, durante prova de avaliao linear, na propriedade de Raul e Klazina Los

    O roteiro da semana terminou na propriedade de Raul e Klazina Los, considerada uma das melhores nos ltimos anos pela Castrolanda

    Na fazenda de Marcos Van Der Vine, o grupo vistoriou vrias filhas de Legal, Iatola e Amity, em lactao

    como uma das melhores nos ltimos anos pela Castrolanda. L, encerramos a programao, com a prova de avaliao linear e a vistoria de

    algumas prognies ABS. Filhas de Dondee, Homestead, Shottle, Juniper e Mahogany foram destaque, explica Marcello Mamedes.

    Pg. 9

  • RESULTADOS

    Quem participou da excurso, aprovou a iniciativa. Para Fabrcio Ferreira, avaliador GMS nas regies sudeste e centro-norte, os resultados encontrados nas propriedades comprovaram a importncia do sistema de acasalamento da ABS. Mais uma vez, tivemos a comprovao de que o GMS a melhor e mais eficaz ferramenta de melhoramento gentico disponvel no mercado. Com ele, o produtor tem orientao correta de como

    alcanar mais qualidade e lucratividade para seu rebanho, avalia.

    Francisco Jardel, que avaliador GMS na Regio Nordeste, tambm destacou a importncia do curso de atualizao para a garantia da confiana e de bons resultados dessa ferramenta no campo. O que todos ns queremos criar a vaca perfeita e lucrativa para cada cliente, explica. J Mathias Rabe, que avaliador na regio sudeste, ressaltou o envolvimento da equipe durante todo o

    tour. Analisamos muitos pontos chaves para melhorar ainda mais nosso desempenho no campo. Um resultado fantstico, opina.

    Segundo Raul Andrade, gerente do departamento Tcnico Leite da ABS, a semana foi de muito aprendizado. A equipe pde trocar experincias com os produtores e verificar o quanto o acompanhamento correto das indicaes de acasalamento traz excelentes resultados no melhoramento gentico da propriedade, descreve.

    Cliente ABS, Raul Los, e Ademilson Machado, Representante Comercial da ABS em Castro/PR, ao lado de fmeas com grande potencial leiteiro na Fazenda So Cristvo.

  • Mudanas de base genticaSumrio Dezembro 2014

    INFORMATIVO TCNICO - LEITE EUROPEU

    Pg. 11

    A semana mais esperada no mundo da Gentica Bovina de Leite chegou. Todos esto muito atentos nova rodada de provas que tivemos na ltima tera-feira, dia 02. Mudana de BASE GENTICA e alterao na FRMULA DO TPI + NM j podem ser confirmadas nos sumrios dos touros de todas as empresas.

    Com toda certeza, o PROGRESSO GENTICO da populao de vacas nestes ltimos cinco anos foi muito grande em quase todas as caractersticas.

    No so os TOUROS que pioraram seus ndices, e sim a BASE GENTICA que est em pleno melhoramento. Para que este melhoramento seja contnuo fundamental o ajuste da base, no caso AMERICANA, a cada cinco anos.

    Um peso muito grande foi dado nas caractersticas de FERTILIDADE, como j tnhamos relatado em informativos anteriores e lgico que no podemos NUNCA fechar os olhos para as caractersticas de conformao como composto de bere e composto de pernas e ps, uma vez que a base gentica de nossas vacas brasileiras no a mesma das vacas Americanas.

    Mais uma vez, nossa gentica segue muito bem dentro do cenrio mundial. Temos uma BATERIA DE TOUROS extremamente bem posicionada dentro de mercado, seja para qual for o sistema e qual for o objetivo de seleo de cada produtor de leite, tanto nos touros provados por filhas como nos touros genmicos.

    Nosso programa de acasalamento GMS est cada vez mais solidificado e entregando as melhores solues genticas para os criadores, estando em perfeita sintonia com mercado sendo uma pea fundamental neste processo.

    Devemos alertar todos os criadores a no confundirem os touros provados por filhas com os touros de prova genmica.

    Sabemos que as provas dos touros genmicos so superestimadas e, portanto, o impacto em seus ndices foi menor do que os provados por filhas.

    Portanto, muita ATENO ao comparar touros. Agora, mais do que nunca, importante ver a data base de cada prova.

    por Marcello Mamedes, gerente de produto Leite Europeu

  • TOUROS PROVADOS

    DORCY(BOLTON x BRET x RUDOLPH x MERRIL)

    Segue REINANDO entre os TOP TPI. Desde que debutou em sua primeira prova em agosto de 2012, segue firme entre os lderes para TPI. Agora, mesmo com toda a mudana de BASE GENTICA e frmula de TPI + NM, segue em 8 colocao no s com um TPI altssimo, mas com uma prova de conformao espetacular, sendo +2,21 para TIPO, +2,52 composto de bere e +2,31 para composto de pernas e ps. Um grande PAI de touro da nova gerao. Falando de caractersticas de sade, DORCY +5,5 para Vida Produtiva, +2,79 para CCS e positivo para taxa de prenhez das filhas, sem falar nos seus +2339 de TPI com uma confiabilidade de 99%.

    GILLESPY(BOLTON x SHOTTLE x BW MARSHALL x PATRON)

    Outro cone da atualidade une em seu pedigree nada menos que BOLTON e SHOTTLE. GILLESPY nmero 2 no LPI CANADENSE, com +2981, outro fenmeno que mesmo com todas as mudanas permanece com uma prova extremamente consistente. Muito leite, 1770 LBS na prova americana, com beres de extrema qualidade, baixa CCS. Opo de smen sexado e convencional.

    Pg. 12

  • GERARD(OMAN x BW MARSHALL x LABELLE x MANDEL)

    Contamos nos dedos os touros PROVADOS que permanecem nos catlogos por 2, 3, 4, 5 anos. GERARD um caso deste. Sua ALTA DEMANDA MUNDIAL justificada pela CONSISTNCIA em produzir filhas LUCRATIVAS para criadores. Pedigree livre de SHOTTLE, BOLTON, PLANET e GOLDWYN, aliado com sua prova, faz com que seja um dos lderes de vendas da ABS GLOBAL e ABS BRASIL. Filhas de garupas LARGAS, sustentando beres fabulosos em todas as vises, demonstra o porqu o melhor filho de O Man para C. bere. Em visita recente a Castro/PR, tivemos a oportunidade de comprovar em um lote de 10 filhas j em lactao e mostrando todas essas qualidades.

    HOWIE(BAXTER x POTTER x BW MARSHALL x DUSTER)

    Novidade para a BATERIA 2015 que j est no estoque da ABS Pecplan: um dos primeiros filhos do BAXTER de nossa bateria. Provado (e muito bem provado) e com pedigree livre de PLANET, GOLDWYN, O MAN, BOLTON e SHOTTLE. As filhas de HOWIE so vacas de estatura mediana, abertas de frente com muita fora e sistema mamrio de muita qualidade, principalmente, na viso anterior e no posterior.

    Pg. 13

  • DOMINIC(DORCY x GOLDWYN x FREELANCE x RUDOLPH)

    Novidade para a BATERIA 2015: o primeiro filho de DORCY provado na ABS. As filhas de DOMINIC destacam-se em TIPO. Transmite para suas filhas todas as qualidades de bere que seu pai DORCY transmite, +2,26 para C. BERE. Grande melhorador de gordura e protena tanto em % quanto em quantidade.

    MYRLE(LIEF x ENCINO x O MAN x RUDOLPH)

    Outra novidade que j se encontra em nossos estoques. Touro destaque por sair duas vezes consecutivas na REVISTA HOLSTEIN INTERNATIONAL. Hoje considerado por muitos um dos touros de pedigree mais aberto do mercado para ser utilizado. MYRLE oriundo da famlia RUDY MISSY, extremo para as caractersticas de sade, fertilidade e longevidade. Com quase 1000 libras de leite e ainda positivo para % de gordura e protena.

    Pg. 14

  • TOUROS GENMICOS

    Falando dos touros GENMICOS com SMEN DISPONVEL no mercado hoje temos propriedade em afirmar que a MELHOR bateria encontra-se na ABS. Comeando pelo SILVER passando pelo MONTEREY, COMMANDER, GAUGE, BELUGA entre outros. NENHUMA OUTRA EMPRESA possui trs touros acima de +2600 de TPI GENMICO com smen disponvel no BRASIL. NS TEMOS!!!!! Veja os principais destaques.

    SILVER(MOGUL x SNOWMAN x PLANET x SHOTTLE)

    Lder no TPI com smen DISPONVEL NO BRASIL. No existe hoje nenhum touro GENMICO com TPI superior ao do SILVER. Hoje SILVER lidera com +2683 de TPI com uma prova de conformao invejvel +2,86 para TIPO, +2,15 para composto de bere e +2,72 para composto de pernas e ps. Sem falar no seu NM de +821 e PTA LEITE DE +1728 LBS com teores de gordura e protena positivos tanto em % como em quantidade. Aproveitem: oportunidade NICA.

    MONTEREY(MCCUTCHEN x ROBUST x ZENITH x SHOTTLE)

    Vem logo em seguida entre os TOP 5, com smen disponvel no Brasil, com opo de sexado e convencional. Com seus +2665 de TPI, MONTEREY se posiciona entre os lderes com muita propriedade. Apenas 6,9% para dificuldade de parto, acima de 700 de NM positivo para teores de gordura e protena em quantidade e % e um bom linear para conformao.

    Pg. 15

  • COMMANDER(MOGUL x ONSERVER x RAMOS x SHOTTLE)

    Famlia COSMOPOLITAN com TPI acima de +2600. Pode ser usado em novilhas. Novamente linear extremo para todas as caractersticas de conformao. Positivo para percentual de gordura e protena aliado com muito leite.

    GOUGE(BRONO x GERARD x JEEVES x LOOKOUT)

    Especialista em Sistema Mamrio, +3,40 para composto de bere, aliado a muita sade.

    Pg. 16

  • TOUROS JERSEY

    Passando para o JERSEY, temos o lder em JPI, VOLCANO, que pelo segundo sumrio consecutivo encabea a lista. Outro touro que merece nossa ateno e que est bem posicionado o VISIONARY (irmo completo do VOLCANO). Abaixo uma breve amostra do que ser nossa bateria de JERSEY 2015:

    Temos que ficar atentos, pois no JERSEY tivemos uma grande mudana no JUI (COMPOSTO DE BERE). Hoje, o nmero atual do JUI significa a quantidade de pontos que o composto de bere do Jersey est contribuindo para o JPI. Um exemplo, o touro VOLCANO, possui um JPI de 264 e um JUI de +11,08, portanto 11,08 pontos do JPI vm do composto de bere.

    A variao do JUI est entre -18,4 a +24,8, onde + 3,47 seria a mdia. Uma maneira mais fcil que est sendo utilizada nos EUA dividir o JUI por 10 (que o desvio padro), ento, por exemplo, o touro VOLCANO +11,08 ficaria +1,08.

    HARRIS(VOLCANO x DALLE x ROCKET x AVERY)

    Genmico, na 2 posio dos TOP JPI um filho do VOLCANO. Quase +7 para VIDA PRODUTIVA, 1700 LBS de leite e 5* para fertilidade.

    VOLCANO(LEGAL x PARAMOUNT x ABE x AVERY)

    Pelo segundo sumrio consecutivo, o touro encabea a lista dos TOP JPI. Filho de LEGAL na renomada famlia VIOLET, transmite muito leite, quase 2000 LBS, e extremo para vida produtiva +5,7.

    VISIONARY(LEGAL x PARAMOUNT x ABE x AVERY)

    Irmo completo do VOLCANO, touro que trabalhamos como genmico e agora provado pelo segundo sumrio e entre os TOP JPI (4). Um dos lderes de vendas da ABS com smen sexado e convencional disponvel. Leite, longevidade e muita sade assim que definimos as filhas de VISIONARY.

  • ADEUS, SECA!

    Em meio a maior estiagem dos ltimos 60 anos, produtores cearenses, que investem em gentica e pastejo irrigado, viram exemplo de produo leiteira para o pas

    O sucesso conquistado por fazendas produtoras de leite no serto nordestino foi o foco do Tour do Leite promovido pelo Departamento Leite Tropical da ABS em novembro. Cerca de 30 produtores rurais e tcnicos de 11 estados brasileiros, alm de dois pecuaristas do Paraguai, participaram da comitiva que visitou quatro fazendas no Cear.

    Fernando Rosa, gerente de produto Leite Tropical da ABS, conta que foram escolhidas propriedades rurais consideradas referncia, j que conseguem resultados impressionantes, mesmo enfrentando pouca incidncia de chuva, em mdia de 700 mm/ano. So locais com condies para receber 0,5 unidades de animais por hectare, mas que depois da implantao do sistema de pastejo irrigado conseguiram at 17 unidades na mesma rea, explica o gerente.

    Os resultados podem ser notados at mesmo durante um dos perodos mais secos enfrentados pelo estado dos ltimos 60 anos. Dos 184 municpios que compem o Cear, em 2014, 96% decretaram situao de emergncia pela falta dgua. Crise que no atingiu as fazendas visitadas. As guas de chuva so armazenadas em represas que chamamos de audes ao longo do ano, perenizando esse recurso, assim durante a seca usamos no sistema de irrigao, afirma o representante da ABS em Fortaleza, Pricles Montezuma.

    Pelo roteiro, o grupo partiu da capital e passou por trs cidades do interior do estado. As quatro propriedades visitadas tm como base a criao de girolando e utilizam de investimento em gentica e no pastejo irrigado para driblar a baixa qualidade do solo e a seca. Na programao, estiveram: unidade do grupo Cialne (Companhia de Alimentos do Nordeste) no municpio de Umirim; a Fazenda Grangeiro, em Paraipaba; alm de Flor da Serra e Cialne, ambas em Limoeiro do Norte.

    TOUR DO LEITE

    Pg. 18

    Passagem Molhada Barragem das Pedrinhas em Limoeiro do Norte/CE

  • RESULTADO QUE IMPRESSIONOU

    Foi interessante ver a surpresa dos produtores que vieram de outros estados. Quem vem de fora no acredita que conseguimos produzir leite, de qualidade, com gado a pasto, tendo gua para irrigar e sabendo irrigar, destacou Carolina Machado, coordenadora tcnica do Senar/CE, que acompanhou o Tour.

    Foi o caso de Ramiz Bretas, proprietrio da Estncia 4Rs, em Minas Gerais. A imagem que eu tinha do Cear era de um deserto, de seca, de fome. E encontrei projetos de leite barato, a pasto, e em grande quantidade. incrvel, fantstico. Estou impressionado, avalia.

    Entre os participantes do Tour, dois paraguaios. Um deles, Carlos Gonzales, conta que no conhecia nem as tcnicas nem a qualidade do gado especializado para trpicos. inacreditvel o que os brasileiros esto fazendo nas pastagens tropicais. No conhecia os benefcios da irrigao, nem a eficincia da raa frisio. Foi uma tima experincia, comenta.

    Durante as visitas s propriedades, os participantes aproveitam para comparar informaes como produtividade por hectare/ano, custo mdio de produo, preo mdio pago pelo leite, a importncia da escolha dos touros e a evoluo do rebanho. O que voc pode conferir a seguir, com detalhes sobre as fazendas visitadas.

    A POTNCIA ENTRE PIVS CENTRAIS

    A fazenda Cialne 18, da Companhia de Alimentos do Nordeste, no municpio de Umirim, abriu o roteiro do Tour do Leite. Na propriedade, de primeira formao, utilizado piv central para a irrigao das pastagens. O sistema baseado em uma torre central capaz de irrigar uma rea circular. muito vantajoso pelo custo para implantao que em mdia de 10 mil reais por hectare, mais baixo em comparao com outros sistemas, explica Fernando Rosa.

    O gerente do departamento Leite Tropical da ABS conta que na rea de pastejo irrigado, a fazenda mantm 600 vacas paridas, com uma impressionante taxa de ocupao de solo: 17 unidades de animais por hectare. uma lotao surpreendente. E quando lembramos que ali tudo areia, um deserto, isso ainda mais impressionante. Eles conseguem muito, ressalta.

    Frederico Glaser, gerente de Mercados e Contas Chave da ABS, participou da excurso e conta que tambm ficou impressionado com a realidade encontrada na regio. muito interessante. Perto da linha do equador, local que enfrenta secas intensas, encontramos animais girolando extremamente produtivos, destaca.

    Serto no Limoeiro do Norte/CE

    Fazenda Cialne 18

    Pg. 19

  • Preciptao anual: 628 mm

    rea: 800ha

    Taxa de lotao: 17 ua/ha nas reas irrigadas

    N de vacas em lactao: 600

    N de vacas secas: 272

    N de animais de recria: no faz recria na fazenda

    Sistema de irrigao: piv central

    Produtividade: 8.348 litros/dia

    Meta: 18 mil litros/dia at dezembro de 2015

    Custo mdio de produo: R$ 0,77

    Preo mdio do leite recebido: R$ 1,26

    Grupamento de sangue: holands e gir leiteiro

    Fazenda Cialne 18

    Pg. 20

  • TECNOLOGIA E RESULTADOS AO ALCANCE DE TODOS

    Na fazenda Grangeiro, o grupo foi recebido pelo casal de pecuaristas Rita e Fernando Grangeiro, pequenos produtores do municpio de Paraipaba que comprovam o fato de que a tecnologia est ao alcance de qualquer propriedade. Tudo to moderno por l que com o celular eles controlam todo o sistema de irrigao, feito por malhas, ou seja, tubulao enterrada.

    Com a tecnologia wi-fi, pelo celular, a Dona Rita aciona e desliga o sistema. Alm disso, controla o quanto de gua quer liberar, detalha Fernando Rosa, explicando ainda que a fazenda tambm adota o sistema de fertirrigao para adubao. A famlia Grangeiro divide a propriedade entre pastagem para produo leiteira e a lavoura de coco. A organizao dos pecuaristas ajuda a garantir os resultados.

    Ao ver a eficincia da fazenda, um dos participantes do Tour, Rodrigo Tenrio, pecuarista no alto serto sergipano, contou que sempre adotou o sistema de semiconfinamento e estudava uma mudana de perfil na fazenda. Estava em dvida se investiria no confinamento ou pastejo rotacionado. A viagem foi um divisor de guas para mim. Foi um momento de deciso. Vi na prtica que o pastejo irrigado d certo no Cear, ento, no Sergipe acredito que tambm dar certo, compartilha o produtor.

    Preciptao anual: 814 mm

    rea: 16,5ha (pecuria)

    Taxa de lotao: 14 ua/ha nas reas irrigadas

    N de vacas em lactao: 76

    N de vacas secas: 34

    N de animais cria e recria: 81

    Sistema de irrigao: asperso em malha

    Produtividade: 40.555 litros/ano

    Meta: 1.800 mil litros/dia

    Custo mdio de produo: R$ 0,96

    Preo mdio do leite recebido: R$ 1,20

    Grupamento de sangue: utilizam

    touros holands, girolando e frsio ingls

    Fazenda Grangeiro

    Pg. 21

  • A IRRIGAO QUE TRAZ PESO

    A terceira fazenda do roteiro foi a Cialne

    45, que rene todos os animais de recria

    das quatro unidades de produo leiteira

    da Companhia de Alimentos do Nordeste.

    Na propriedade que fica no municpio

    de Limoeiro do Norte, so utilizados dois

    pivs (um com alcance de 45 hectares

    e um com 50 hectares) para irrigao

    da pastagem utilizada apenas por gado

    jovem.

    O resultado um ganho de peso de 700g

    por dia, o ideal para gado de leite. Isso,

    basicamente, s a pasto. Apenas feita

    suplementao mineral e energtica no

    cocho. Ou seja, um custo de produo

    muito baixo, descreve o gerente de

    produto Leite Tropical da ABS, Fernando

    Rosa.

    Jos Carnieli, presidente da Cooperativa

    Veneza, do Esprito Santo, relata que no

    tinha a dimenso da produo leiteira no

    Cear. Pensvamos que o nordeste era

    improdutivo e na prtica encontramos

    investidores, grandes empreendedores

    que acreditam e trabalham com a atividade

    leiteira de forma lucrativa, refora.

    Preciptao anual: 762 mm

    rea: 135ha

    N de animais de recria: 1505

    Sistema de irrigao: piv central

    Custo mdio de diria por anima: R$ 1,79

    Grupamento de sangue:

    , e holands e gir leiteiro

    Fazenda Cialne 45

    Pg. 22

  • LUCRO QUADRIPLICADO

    Na quarta e ltima parada do roteiro, na Chapada do Apodi, em Limoeiro do Norte, a comitiva presenciou alm de muita produtividade leiteira, um sistema de administrao diferente. O proprietrio da Fazenda Flor da Serra, Luiz Prata Giro, tambm dono de uma indstria de leite. E para administrar os negcios, resolveu arrendar o espao irrigado para outros quatro produtores.

    Deu to certo, que eles vivem uma realidade, em plena poca de seca, de excesso de produo de forragem, conta Fernando Rosa. Na Flor da Serra, o foco na alta produtividade leiteira por hectare e o planejamento para que o grupo consiga produzir 40 mil litros de leite por dia em 2015. Se adotssemos os sistemas de irrigao e investimento em gentica como eles, conseguiramos triplicar a produo na regio sudeste brasileira, garante o gerente da ABS.

    Pensando nisso, Cristiano Poncio, que consultor em produo de leite a pasto no estado de Minas Gerais, indicou o Tour a vrios clientes. Queria mostrar para eles que possvel fazer o que se faz no Cear, com a mesma simplicidade e lucratividade, tambm no sudeste, ressalta. No grupo mineiro que o especialista organizou estava Lcio Oliveira Cunha. O que a gente viu foi um Cear nascendo com um potencial que no se compara com nenhuma outra parte do Brasil, acredito que nem do mundo. preciso realmente vir aqui para aprender como funciona esse manejo, refora.

    Preciptao anual: 724,3 mm

    rea: 414ha (pecuria)

    Taxa de lotao: 12 ua/ha nas reas irrigadas

    N de vacas em lactao: 1665

    N de vacas secas: 450

    N de animaid e recria: 2885

    Sistema de irrigao: piv central

    Produtividade: 30 mil litros/dia

    Meta: 40 mil litros/dia em 2015

    Custo mdio de produo: R$ 0,79

    Preo mdio do leite recebido: R$ 1,25

    Grupamento de sangue: , e girolando e

    holands e Jersey

    Fazenda Flor da Serra

    Pg. 23

  • CONSISTNCIA GENTICA GARANTE OS RESULTADOSPara registrar altos ndices de produo, alm de investimentos em irrigao, produtor nordestino precisa usar animais especializados

    No so s as pastagens que exigem ateno no nordeste brasileiro. Para enfrentar as altas temperaturas e baixa umidade do serto cearense, as quatro fazendas visitadas durante o Tour do Leite investem em gentica especializada para as condies tropicais.

    Fernando Rosa, gerente de produto Leite Tropical da ABS, conta que a regio est situada a 3 graus latitude sul, onde a exposio a luz maior e as temperaturas mais altas. Quando a gente fala de mundo tropical, exige-se mais dos animais. preciso que eles possuam caractersticas para suportar essas condies climticas, como maior quantidade de glndulas sudorparas, para dissipar calor, transpirar e facilitar a adaptao, descreve, acrescentando que outra caracterstica importante para a gentica tropical a maior capacidade de locomoo.

    Por isso, uma tendncia a utilizao de produtos da raa frsio ingls, que fenotipicamente caracterizada por animais de menor estatura e maior resistncia metablica. Os visitantes ficaram impressionados no s com a potencialidade da regio, como o resultado do produto da gentica ABS que ns temos. O frisio ingls tem como caracterstica a rusticidade, tem essncia voltada ao nosso sistema de pastejo, detalha o representante da ABS em Fortaleza, Pricles Montezuma.

    Segundo o organizador do Tour do Leite, durante as visitas, a comitiva conheceu de perto filhos de touros da bateria ABS das raas girolando (Porto Real, Brazo e Galactico) e frsio (Rancher, Benloyal e Quentin), com consistncia gentica direcionada aos trpicos. So acasalamentos planejados direcionados para essa realidade. necessrio o uso dessa gentica para a conquista da lucratividade, alerta Fernando Rosa.

    TOUR DO LEITE

    Pg. 24

  • LEITE TROPICAL

    O departamento de Produto Leite Tropical da ABS anunciou oito contrataes para a bateria, que j podem ser utilizadas pelos clientes. Os animais foram contratados em junho, durante a Megaleite, uma das maiores exposies leiteiras do pas, e depois de passarem pelos procedimentos sanitrios exigidos pela central, comearam a produo.

    Todas as novas genticas que entraram na bateria ABS so da raa girolando. Fernando Rosa, gerente da pasta, explica que cinco

    Bateria Leite Tropical ABS ganha oito touros

    desses animais - Destino, Rstico, Galileu, Lupi e Reitor - foram pr avaliados pela pr seleo do Girolando em 2014. Antecipamos ainda a contratao de trs touros, Astronalta, Jango e Jubal, que participaro da pr seleo girolando/2015, destaca.

    Ainda segundo Fernando Rosa, a evoluo da raa girolando permite e exige um trabalho criterioso de acasalamentos para atender o mercado que busca lucratividade e alta produo de leite em ambientes tropicais.

    A maioria dos touros contratados fruto de acasalamentos encomendados com base nesses critrios pelo Departamento Tcnico da ABS. Por causa desse trabalho, hoje podemos oferecer aos nossos clientes uma bateria consistente geneticamente, com grandes matriarcas que atendem aos sistemas de criao mais intensivos ao pastoreio, explica o gerente.

    Pg. 25

    Animais da raa girolando j esto em coleta e gentica pode ser utilizada durante o vero pelos clientes ABS

    Pg. 25

  • LEITE TROPICAL

    RUSTICO FIV SANTA LUZIA

    Girolando 3/4. Filho de Jordan x Aduana (Lactao de 11.628 kg), touro jovem, com alta fertilidade, conhecido como a melhor gerao da fazenda Santa Luzia.

    Pg. 26

    CONHEA O REFORO DA BATERIA LEITE TROPICAL:

    JUBAL FIV BRENDA GILLESPY RANCHO DO RO

    Girolando 3/4. Acasalamento dirigido, sendo o pai Gillespy (BOLTON x SHOTTLE) PTAL 1770 LBS um dos cones de leite nos Estados Unidos e a me Brenda Teatro (filha do Teatro da Silvania) um dos exemplares mais expressivos da raa com produo acima de 19.000 kg de leite.

    DESTINO JAYVEN FIV F. CONGONHAS

    Girolando 5/8. Com pedigree (Jayven x Paladino) de muito leite e estrutura corporal, sua me, Neves Congonhas, possui lactao de 6.467 kg). Smen de excelente qualidade com disponibilidade de sexado.

    JANGO FIV AFTERSHOCK RANCHO DO RO

    Girolando 3/4. Filho de Aftershock, touro que se destaca por filhas muito leiteiras, e Brenda Teatro, fmea comprovada pelas prognies com muito leite e sucesso em pista.

  • LEITE TROPICAL

    RARAO REITOR GERARD SANSO

    Girolando 5/8. Filho de Gerard (O man x Marshall) PTAL 1266 LBS na Frana Sano (Lact 1717 kg). Este pedigree reune alta produo leiteira e longevidade. Disponibilidade de sexado.

    ICH LUPI AFTERSHOCK

    Girolando 3/4. Filho de Aftershock na Canela Teatro, touro jovem que chama ateno pela alta fertilidade. Sua me, a Canela Teatro, a stima melhor vaca da raa Girolando possuindo 17 filhas entre as top 1000.

    ASTRONALTA FIV IT

    Girolando 5/8. Filho de Gerard (O man x Marshall) na Duda (Lactao de 8.306 kg). irmo materno do Sabi IT. Famlia conhecida pela alta produtividade e qualidade do sistema mamrio de sua prognie.

    GALILEU AFTERSHOCK JV NOBREGA

    Girolando 3/4. Com pedigree Aftershock x Teatro x Dundee, touro de excelente temperamento, conhecido pela famlia materna e com consistncia de produo leiteira. Sua me, a Eduarda Teatro, possui lactao de 11.668 kg.

    Pg. 27

  • LEITE TROPICAL

    O clone de um dos mais importantes touros da histria do gir leiteiro, Teatro da Silvania, entrou em coleta na unidade da ABS, em Uberaba (MG). Apesar da difuso da tecnologia de clonagem e desse tipo de processo em todo o mundo, essa a primeira vez que smen de um clone da raa gir disponibilizado para o mercado.

    O Teatro Clone realmente um fato histrico. E vai permitir aos produtores de leite continuarem usando a gentica superior desse que um dos cones da raa, comenta Fernando Rosa, gerente de produto Leite Tropical da ABS.

    O Legado continua...

    Pg. 28

    Teatro II comea a produzir smen eABS a primeira central a colocar no mercado material gentico de um clone da raa gir leiteiro

  • LEITE TROPICAL

    Teatro da Silvania morreu aos 15 anos em outubro de 2013, depois de 13 anos em coleta na unidade da ABS, onde produziu mais de 200.000 doses convencionais e 25.500 sexadas. Estoque que chegou ao fim, mas, segundo Fernando Vilela, gerente de produo da ABS, essa gentica referncia para a pecuria leiteira continuar no mercado atravs do material produzido pelo clone.

    O Teatro Clone tem dois anos de idade e, segundo Vilela, uma rplica perfeita do original, inclusive quanto a produo de smen. Ele est produzindo doses de alta qualidade, com concentrao e espermatozoides normais para a idade. um touro perfeito, sadio, garante o gerente da ABS.

    Ainda de acordo com Vilela, preciso difundir a tcnica e acabar com alguns mitos. O Teatro

    Clone pioneiro na raa gir, mas importante ressaltar que hoje j existem animais nos pastos brasileiros filhos de clones. A ABS j vende smen de touro clonado h quatro anos e com sucesso, informa, reforando que no h restrio para uso dessa gentica.

    A ABS est fazendo coletas h oito meses do clone e s neste ms de dezembro passa a disponibilizar o material para o mercado. Eduardo Falco, da Estncia Silvania, proprietrio do animal, conta que a clonagem foi planejada para a no interrupo do fornecimento desta gentica que referncia nacional.Sempre viajamos e nas exposies encontramos o legado do Teatro, grande nmero de filhas campes, animais diferenciados. Ento, o propsito continuar ajudando na evoluo da pecuria

    Pg. 29

    leiteira brasileira, oferecendo material com preo acessvel a todos os produtores, afirma.

    Teatro da Silvania era filho do touro Espantoso na vaca Efalc Nata Lageado, mais conhecida como Nata da Silvania, cuja lactao oficial de 15.126 quilos de leite. O touro foi provado no teste de prognie da ABCGIL/Embrapa e no sumrio de touros da ABCZ/Unesp.

    http://youtu.be/LSoetAuXtmM

  • LEITE EUROPEU

    A aposentadoria do cone

    Pg. 30

    Shottle, touro ABS conhecido mundialmente, se aposenta aps incrvel carreira com mais de um milho de doses produzidas

    Aps uma extraordinria carreira de 15 anos na ABS Global, o touro 29HO12209 Picston Shottle, um dos cones da bateria Leite Europeu da ABS, se aposentou. Ele deixa um incrvel legado de 1.174.498 doses de smen produzidas.

    Shottle teve grande influncia na raa holandesa como um cone para os criadores de leite em todo o mundo. Shottle cativou a indstria de leite e a de inseminao artificial por mais de uma dcada, com fortes caractersticas como fertilidade de smen, produo, baixo nmero de clulas somticas, tipo consistente e fantstico temperamento. Essas caractersticas o ajudaram a se tornar o maior touro Satisfao do Cliente de todos os tempos, explicou Mark Smith, Diretor Global de Produo da ABS.

    divulgao ABS Global

  • LEITE EUROPEU

    Pg. 31

    Shottle nasceu na Spot Acre Grange prxima de Stafford, Inglaterra, que a casa da famlia Pickford e touros holandeses Picston. Ele filho de Condon Aero Sharon EX-91 (me) e Carol Prelude Mtoto (pai).

    Por sete sumrios de touros consecutivos Janeiro de 2008 a Janeiro de 2010 Shottle se firmou no auge da lista Top 100 TPI e permaneceu entre os 15 touros Top nos cinco sumrios seguintes. Em dezembro de 2011, Shottle se tornou o 11 touro da ABS a conquistar o status milionrio, com um milho de doses de smen comercializadas. Quando fez 12 anos, ele superou touros com a metade da sua idade, permanecendo entre os Top 25 touros da lista Top 100 TPI. Mesmo com 15 anos, Shottle continua impressionando, com um TPI acima de +1900. Ele ainda um grande melhorador de caractersticas de sade e conformao e est acima de 1,2 para tipo.

    Atualmente, ele impacta a lista dos TOP 100 TPI da Holstein USA, com trs filhos e 14 netos maternos listados.

    Pela prova oficial da Interbull, atualmente, ele tem 100.000 filhas em 20.000 rebanhos em 22 pases. Essas 100.000 filhas de Shottle produziram mais de cinco bilhes de quilos de leite (o que equivale a mais de dois bilhes de litros), ajudando a nutrir o mundo.

    A ABS permanece como a principal fonte da influente gentica de Shottle, comercializando smen convencional e sexado de 17 filhos diretos e 27 netos maternos. Por isso, Shottle continuar influenciando o mercado nos prximos anos.

    Shottle no somente foi popular nas indstrias de Leite e na de Inseminao Artificial. Ele tambm

    recebeu grande quantidade de coberturas da imprensa mundial no incio de sua carreira. Alm de publicaes, histrias sobre Shottle apareceram em diversos jornais e revistas, entre elas The Times, de Londres e Daily Mail. Talvez a mais notvel tenha sido a matria na revista Playboy, uma faanha que nenhum outro touro da ABS conseguiu.

    Ao longo de sua aposentadoria, Shottle pode esperar um tratamento de superstar, incluindo aproveitar uma baia duas vezes maior do que a de seus parceiros de rebanho, onde ele poder se aquecer debaixo de uma lmpada de aquecimento e receber exerccios regularmente da dedicada equipe de tratadores da central Ruthin no Reino Unido. Desejamos ao Shottle uma longa e saudvel aposentadoria!

    Pg. 31

  • INTERNACIONAL

    Ao trmino do quinto ms fiscal da Genus, que engloba as empresas ABS e PIC, dirigentes da companhia visitaram o Brasil para estudar ampliao de investimentos no pas. Na agenda, entre os dias 8 e 10 de dezembro, estiveram fazendas, frigorfico e, claro, a central da ABS, em Uberaba (MG).

    A comitiva foi liderada pelo CEO da Genus, Karim Bitar. Com ele, vieram Saskia Korink, COO ABS, e o diretor na Amrica Latina, Ricardo Campos. O grupo passou por diferentes cidades brasileiras, acompanhados do diretor Geral da ABS, Mrcio Nery, e dos gerentes Comercial, Alexandre Lima, e de Mercados e Contas Chave, Frederico Glaser.

    O Brasil uma prioridade da empresa. Somos considerados uma unidade do grupo extremamente inovadora e pioneira. E como prioridade, eles vieram saber o que estamos produzindo, tanto para nos ajudar a modelar

    CEO da Genus visita o Brasil para estudar investimentos

    esse trabalho, como para levar o que ns estamos fazendo como exemplo a outras unidades da empresa no mundo, explica Mrcio Nery, acrescentando que esse acompanhamento est diretamente ligado a implantao de novos projetos que a ABS pleiteia.

    O grupo passou por fazendas produtoras de carne e leite nos estados de So Paulo e Mato Grosso do Sul, visitou a unidade do frigorfico Marfrig na capital paulista, onde foi recebido pelo presidente do conselho da administrao, Marcos Molina, e seguiu para Uberaba (MG) para visita tcnica a central da ABS.

    Na central, os executivos fizeram reunies com os gestores da ABS no Brasil e tambm com toda a equipe de colaboradores da empresa. Durante o discurso, o CEO da Genus, Karim Bitar, disse que os resultados apresentados pela empresa em todo o mundo so muito satisfatrios e definiu o Brasil como a locomotiva que est liderando o sucesso da ABS Global. Com o desempenho do pas, a tendncia que cada vez mais investimentos sejam feitos aqui.

    Ao lado de dirigentes da ABS, diretor executivo da companhia percorreu elos da cadeia produtiva, falou sobre projetos e definiu o Brasil como um dos mais promissores mercados

  • INTERNACIONAL

    Pg. 33

    Saskia Korink, COO ABS, tambm falou sobre o crescimento registrado pela empresa, tanto em volume de vendas quanto em resultados financeiros. A executiva parabenizou o time brasileiro e anunciou que a tendncia

    Mrcio Nery, diretor ABS Pecplan; Saskia Korink, COO ABS; Karim Bitar, CEO da Genus; Ricardo Campos, diretor Amrica Latina; e gerentes ABS Pecplan

    que novos mercados sejam explorados nos prximos anos. O mundo tem tantos pases que a gente ainda no est nem atravs de distribuidor, nem diretamente. E a gente tem avaliado isso com bastante seriedade, revela.

    A comitiva anunciou ainda que em maio de 2015 a central da ABS Pecplan ser sede da reunio anual do conselho administrativo (Board) da ABS.

  • CORTE EUROPEU

    Hereford e Braford conquistam os campos brasileiros

    Pg. 34Pg. 34

    J so 280 mil matrizes registradas na Associao Brasileira de Hereford e Braford (ABHB). Em mdia, a instituio contabiliza 50 mil novos registros genealgicos por ano. Adaptabilidade, eficincia e sustentabilidade so algumas das caractersticas que levam a esse avano acelerado das raas europeias pelo pas. Vantagens cada vez mais exploradas em cruzamentos industriais, por isso, a estimativa que s no Rio Grande do Sul o rebanho no controlado ultrapasse trs milhes de cabeas. Sem dvida nenhuma a gente observa o

    crescimento de venda de smen das raas taurinas, onde o Braford e o Hereford so raas muito importantes, representando um percentual muito forte, comenta Marcelo Selistre, gerente de Produto Corte Europeu da ABS.

    Segundo o presidente da ABHB, Fernando Lopa, o avano das raas pelo Brasil e por outros pases da Amrica Latina, como Bolvia e Colmbia, foi conquistado pelos resultados que elas apresentam em termos de produo a pasto.

    So raas para produzir carne, muita carne a campo. Ento a Associao tem trabalhado nos ltimos 10 anos tanto em programas de avaliao gentica, quanto em provas de desempenho a campo, para mostrar todo esse potencial que possvel oferecer ao mercado. O Hereford conhecido mundialmente por comer menos e produzir mais, o que tambm passou para esse nosso composto que o Braford, explica.

    Os maiores especialistas do pas conversaram com o ABS News sobre o desempenho crescente dessas genticas no mercado

  • CORTE EUROPEU

    Pg. 35

    Por isso, em busca do aumento da eficincia nos pastos brasileiros, cada vez mais pecuaristas procuram esse material gentico. Estamos trabalhando voltados ao cruzamento industrial, muito no sentido no que as nossas raas podem contribuir para uma pecuria mais eficiente. Temos que buscar animais que possam produzir um volume maior de carne em um menor tempo. Isso eficincia e isso que a gente acredita, explica Alfredo Drissen, superintendente tcnico da ABHB.

    No caso da raa hereford, a tendncia que ela seja cada vez mais explorada em cruzamentos

    com animais zebunos na regio do Brasil Central. As pessoas esto usando e repitindo o uso. Para mim, essa a mensurao do sucesso, afirma Alfredo. Segundo a ABHB, o Programa Carne Pampa, que certifica as carcaas oriundas do Hereford, j abateu 130.000 animais. Alm disso, houve o crescimento de 10% de animais participantes em feiras ranqueadas pela Associao.

    Quanto aos animais braford, raa que potencializa as melhores qualidades do Zebuno e do Hereford, o foco do mercado so vacas meio sangue Angus. preciso fomentar o resultado que o braford nessa fmea

    meio sangue vai produzir Um animal extremamente produtor de carne e com rendimento de carcaa, avalia.

    Joal Brazzale Leal, pesquisador com 50 anos de trabalho na Embrapa Pecuria Sul, foi um dos responsveis para a formao da raa Braford no Brasil e aposta em um futuro ainda mais promissor. A mgica de uma raa sinttica voc trabalhar como se fosse uma raa definida, ou pura, como preferir dizer. E por ela deter biotipos que trabalham os mais variados meio ambientes. Ento a tendncia que cada vez mais se consolide, afirma.

  • CORTE EUROPEU

    Em 2014, houve um aumento de 10% no preo mdio da venda de touros das raas Hereford e Braford em remates contabilizados somente at o ms de outubro. A alta valorizao foi sentida pela Celina Albornoz, que proprietria de um dos criatrios mais antigos do Rio Grande do Sul, a Estncia Bela Vista. Este ano, por exemplo, o touro Gran Hermano (da bateria ABS), o animal foi comercializado por R$123.000,00, valor recorde da raa Braford da temporada.

    Os resultados conquistados pela Bela Vista so traduzidos em muito investimento. Desde a dcada de 60, segundo a pecuarista, so utilizados programas de inseminao. Fomos uma das pioneiras a utilizar. E h alguns anos usamos a tcnica IATF (Inseminao Artificial em Tempo Fixo), procurando com isso uma grande padronizao da nossa produo de animais, utilizando muita gentica produzida

    MAIS INVESTIMENTO, MAIS LUCRO

    Pg. 36Pg. 36

    por ns, avaliamos a prognie de nossos touros atravs da IATF, explica. Hoje, a seleo Bela Vista de Braford a com maior nmero de animais em centrais de inseminao no pas. Ao todo, so 21. O pecuarista Ricardo Amaral Furtado, que tambm presidente do Conselho Tcnico da ABHB, a quinta gerao de criao de Polled Hereford. So 108 anos de seleo da Reculuta Agropastoril. Fundamentalmente o que nos deixa muito satisfeitos o comportamento da prognie e temos a grata satisfao de termos os touros lderes em quatro de cinco sumrios de avaliao gentica do Pampa Plus, comenta, reforando que 90% dos clientes so fidelizados. Gentica que est disponvel na bateria ABS, atravs do touro Patriota. um animal completo, que tem todas as caractersticas que ns buscamos, afirma.

    J na Estncia Rio Negro, o mdico veterinrio Gustavo Camponogara, j comemora os resultados dos investimentos com apenas oito anos de seleo. Antes eu tinha um gado comercial, comecei a usar boa base, bons touros da ABS. E o que eu busquei como primeiro critrio de seleo foi fertilidade. isso que paga a conta na pecuria. Alm disso, consegui utilizando material gentico ABS a capa vermelha do braford, a padronizao, o que possibilitou a conquista do grande campeonato de Esteio/RS. E hoje nosso braford vem ganhando Brasil a fora, conta.

    Na prxima edio do ABS News, voc confere uma reportagem especial sobre as raas Angus e Brangus.

  • EXPOCORTE

    Pg. 37

    Mais de 4.500 pessoas participaram da srie de eventos, que contou com cinco etapas em diferentes regies brasileiras

    Pelo terceiro ano consecut ivo, a ABS consol idou a parcer ia com um dos mais impor tantes eventos de pecur ia do pas : o Ci rcuito ExpoCor te. Como patrocinadora of ic ia l , a empresa par t ic ipou de todas as c inco etapas da edio 2014, que foram real izadas em di ferentes estados bras i le i ros, recebendo um pbl ico de 4 .500 pessoas, sendo 80% pecuar istas.

    O Circuito passou por Cuiab (MT ) em maro, Campo Grande (MS) em julho, J i -Paran (RO) em setembro, Araguana ( TO) em outubro, e Uber lndia (MG) em novembro. Nos eventos, a equipe ABS esteve presente levando informaes sobre inseminao ar t i f ic ia l , gent ica de qual idade e oferecendo vantagens comercia is para os v is i tantes, como ofer ta de gent ica ABS com touros cer t i f icados para uso na IATF ( I nseminao Ar t i f ic ia l em Tempo Fixo) com condies especia is .

    muito impor tante estarmos presentes em um evento que congrega tcnicos, produtores e acadmicos para uma atual izao das tecnologias e boas prt icas real izadas no agronegcio, com foco no segmento da produo de carne. Por esse motivo, sempre mobi l izamos nossa equipe e apoiamos o Circuito ExpoCor te que, em nossa opinio, possui um elevado nvel tcnico, aval ia o gerente comercia l da ABS, Alexandre L ima.

    Ainda de acordo com o gerente, o contato com os produtores durante o evento, a lm de consol idar ant igas parcer ias, poss ibi l i ta a f idel izao de novos c l ientes que tm opor tunidade de conhecer mais sobre a qual idade dos produtos e ser v ios da ABS nas diversas regies agendadas no pas . A proposta do Circuito Expocor te atender reas com grande potencia l em pecur ia de cor te, embora pouco ass ist idas com seminr ios tcnicos e palestras. Ass im, levando informaes atual izadas das diversas tecnologias de produo, entre as quais , destaca-se a inseminao e melhoramento gent ico bovino. Por isso, a ABS est presente, a f i rma L ima.

    Wagner Ol iveira , Gerente de Negcios Regionais da ABS no Distr i to Centro Nor te, tambm comemora os resultados na par t ic ipao do Circuito. uma ao muito impor tante, porque leva informao para regies muito carentes deste t ipo de evento. E para ns da empresa, muito interessante tambm porque fazemos grandes negcios e muitos contatos, d iz .

    A ABS patrocinadora categor ia s i lver desde a pr imeira edio do Circuito ExpoCor te real izada em 2012. Para a organizadora do evento, d i retora da Verum Eventos, Car la Tucci l io, essa parcer ia muito impor tante. A ABS acreditou no projeto desde o in c io. O grande objet ivo do Circuito que os produtores ouam as palestras e depois v is i tem a exposio e executem o que e les ouviram. E a gent ica dentro desse processo no pode fa l tar, por isso a presena da empresa tem um papel fundamental , destaca.

    ABS Pecplan comemora participao no Circuito ExpoCorte 2014

  • EXPOCORTE

    Pg. 38

    O Circuito ExpoCorte 2014 foi aberto oficialmente com a etapa em Cuiab (MT). Mais de 900 pessoas participaram da exposio que aconteceu no Centro de Eventos do Pantanal nos dias 19 e 20 de maro. A programao contou com 13 palestras e quatro debates sobre temas como Como conseguir o mximo de minha propriedade.

    Segundo Elosa Maria Alves El Hage, representante ABS na regio, os produtores aguardam durante o ano todo a realizao do evento, j que um dos principais em termos de difuso de tecnologia e mercado. Principalmente aqui no Mato Grosso, onde est o maior rebanho bovino do Brasil, muito importante que essas informaes cheguem, detalha.

    Os pecuaristas presentes tambm puderam fazer contatos com empresas presentes na feira. Os pecuaristas esto cada vez mais cientes de que o investimento em gentica fundamental para o crescimento no setor e aumento de produo. E na ExpoCorte, o produtor j chega aberto a discutir solues para o negcio dele. Ento, ele quer conversar sobre investimentos, conta Elosa.

    1 ETAPA: CUIAB (MT)

    Estande da ABS Pecplan na etapa de Cuiab (MT) Mais de 900 pessoas participaram da edio em Cuiab (MT)

  • EXPOCORTE

    Pg. 39

    Mais de 1.300 pessoas, de 42 cidades do Mato Grosso do Sul, estiveram presentes na segunda etapa do Circuito ExpoCorte, realizada nos dias 30 e 31 de julho, no Centro de Convenes Albano Franco, na capital do estado, Campo Grande. Em dois dias, foram oferecidas 15 palestras e quatro debates.

    Mrio Luis Pompeo, representante ABS no Mato Grosso do Sul, conta que o Circuito serviu para estabelecimento de novos contatos. Foi importante para fortalecimento da imagem da empresa junto aos que estimulam o conhecimento de tecnologias, e tambm para atualizao com acompanhamento das experincias prticas de alguns expoentes do setor do agronegcio, afirma.

    2 ETAPA: CAMPO GRANDE (MS)

    Ao todo, 13 palestras e debates fizeram parte da programao em Campo Grande (MS) Grande pblico marcou presena na etapa de Campo Grande (MS)

  • EXPOCORTE

    Pg. 40

    Entre os dias 17 e 18 de setembro, o Circuito ExpoCorte mobilizou mais de 700 participantes no Parque de Exposies Hermnio Victorelli, em Ji-Paran (RO). Nesta terceira etapa, 70% dos visitantes da exposio eram pecuaristas.

    A mdica veterinria Larissa Feres Lessi, representante regional da ABS, conta que no estado de Rondnia faltam eventos organizados e direcionados ao setor de pecuria, como o Circuito ExpoCorte. O evento trouxe informao aos produtores rurais e a informao de grande importncia para o desenvolvimento e conhecimento tecnolgico, afirma.

    3 ETAPA: JI-PARAN (RO)

    Em setembro, a etapa do Circuito foi realizada no Parque de Exposies Hermnio Victorelli, em Ji-Paran (RO)

    Estande da ABS Pecplan na etapa de Ji-Paran (RO)

  • EXPOCORTE

    Pg. 41

    O Circuito ExpoCorte foi realizado pela primeira vez em Araguana (TO) nos dias 15 e 16 de outubro, em parceria com o Sindicato Rural de Araguana. Durante os dois dias de workshop, foram discutidos temas como gesto, sanidade, gentica, nutrio, manejo e pastagem. Todas as palestras foram muito elogiadas pelos participantes. Espero que o

    4 ETAPA: ARAGUANA (TO)

    evento possa ocorrer novamente em nossa regio. Foi muito bom participar. Pudemos reforar a marca da ABS para todo o Brasil, comenta Val Ferro, representante na regio.

    Nesta 4 etapa do calendrio 2014, o gerente Comercial da ABS, Alexandre Lima, destaca a

    grande mobilizao de produtores e tcnicos. Ao todo, 938 pessoas participaram. Notamos, inclusive, a presena de pblico do Maranho e do sul do Par. Pudemos levar nossa mensagem, com os valores Genus, e destacar o diferencial da bateria de touros provados IATF, conta Lima.

    Em Araguaina (TO), o estande da ABS Pecplan recebeu muitos clientes e parceiros Pela primeira vez, o Circuito ExpoCorte passou por Araguana (TO), recebendo 938 pessoas

  • EXPOCORTE

    Pg. 42

    Pela primeira vez o calendrio do Circuito ExpoCorte tambm contemplou Minas Gerais. A quinta e ltima etapa do ano foi realizada no Center Convention, em Uberlndia, nos dias 11 e 12 de novembro. O evento reuniu 450 participantes, entre produtores, tcnicos, estudantes e profissionais da rea de pecuria.

    Wagner Oliveira, Gerente de Negcios Regionais da ABS no Distrito Centro Norte, ressalta que, mesmo com um pblico menor, foi uma etapa muito interessante.

    5 ETAPA: UBERLNDIA (MG)

    Uberlndia uma cidade plo para vrias regies. Conseguimos atrair at mesmo clientes de Gois. Ento, foi muito importante, afirma, acrescentando que acredita no fortalecimento da parceria ABS com o Circuito ExpoCorte em 2015.

    Equipe ABS Pecplan presente na etapa do Circuito em Uberlndia (MG)

    Pblico durante a etapa em Uberlndia (MG), que pela primeira vez foi sede do evento

  • EXPOCORTE

    Pg. 43

    Durante as cinco etapas do Circuito ExpoCorte em 2014, o estande da ABS ficou muito movimentado com novos, antigos e potenciais clientes. Os parceiros ABS das regies onde os eventos foram realizados receberam convites personalizados da empresa. Um dos convidados, Felipe Augusto Frizzo, da Baru Rural Agropecuria, visitou a feira de negcios em Uberlndia (MG), principal sede do grupo.

    A Baru Rural uma empresa familiar e possui unidades produtivas em Minas Gerais e Gois. O grupo referncia na criao de raas Gir, Girolando e Nelore, e se destaca com a utilizao de gentica ABS h cerca de 20 anos. Usamos, atualmente, touros como Maia, Mandarin, Bitelo DS, Playboy da Matinha, entre outros. Procuramos usar animais top de sumrios e a gente tem percebido um avano cada vez mais significativo tanto nas fmeas quanto nos machos. Conquistamos mais precocidade, habilidade materna e fertilidade, descreve Felipe Frizzo.Srgio Silva, representante da ABS h 39 anos, descreve a Baru Rural Agropecuria como um dos maiores clientes da regio e conta como feito o trabalho de orientao para o plantel. Sempre buscamos atender a demanda do grupo, que busca touros com muita fertilidade. Na rea de leite, tambm longevidade de produo e para o nelore, caractersticas raciais, detalha.

    Atualmente, 100% do rebanho PO da Baru Rural inseminado e, este ano, a empresa passou a investir na inseminao tambm do rebanho comercial. A expectativa do pecuarista que o percentual neste setor da fazenda atinja at 40% nesta estao. O ganho muito grande. Se no partirmos para essa tecnologia, o trabalho de seleo muito lento. Estamos pensando em precocidade e melhores resultados no frigorfico, justifica Frizzo.

    CLIENTE ESPECIAL NA EXPOCORTE

    Cliente ABS Pecplan foi recebido pelo representante na regio

  • CORTE

    A fertilidade o fator mais importante no gado de cria, com maior impacto econmico na atividade e por isso passa a ser um dos principais critrios na deciso de compra de smen do produtor. A IATF cresceu muito no Brasil, com isso a presso por touros de alta fertilidade tambm. O Fertility Plus o produto indicado para maximizar a fertilidade do smen.

    Fertility Plus o smen heterosprmico, ou seja, contm o ejaculado de trs touros diferentes em uma mesma dose inseminante.

    O smen heterosprmico utilizado em sunos e aves h mais de 30 anos, a ABS trabalha com esta tecnologia em bovinos desde 2004 na Europa e Estados Unidos. Aqui no Brasil, j comercializamos o Fertility Plus desde 2009.

    Fertility Plus

    Quando a Fertilidade mais importante que tudo

    Pg. 44

    por Marcelo Selistre, gerente de produto Corte Europeu

  • Sperm with sl owra te of ca paci ta tion

    Sperm with f astra te of ca paci ta tion

    Sperm

    with

    aver ag era te

    of

    ca paci ta tionSperm

    bind

    to

    oviduc twall

    and

    ca paci ta tion

    Egg

    CORTE

    A vantagem do Fertility Plus frente ao smen convencional:

    Diminuio da variabilidade entre touros e partidas

    Complementariedade de plasma seminal, propiciando um ambiente melhor ao espermatozoide

    Maior tempo de viabilidade dos espermatozoides viveis no trato reprodutivo, pelo efeito da capacitao espermtica, onde o Fertility Plus garante populaes homogneas de espermatozoides de capacitao lenta, mdia e rpida

    Para o Brasil, na formao do grupo de touros, necessrio selecionar aqueles de melhor fertilidade laboratorial, bem como caractersticas genticas semelhantes, para conseguir uma produo mais homognea.

    O Fertility Plus no garante maiores taxas de prenhez comparado a qualquer touro, principalmente quando temos um ambiente favorvel concepo:

    Vacas em bom escore corporal e balano energtico positivo

    Equipe operacional experiente

    Smen de fertilidade comprovadamente superior mdia

    Sanidade, nutrio e manejo adequados

    O Fertility Plus d maior segurana nos resultados de concepo, por isso indicado para uso em situaes de maior desafio, como:

    Primparas

    Vacas com baixo escore corporal e/ou balano energtico negativo

    Lotes grandes (acima de 200 vacas)

    O resultado do Fertility Plus a campo foi medido pelo Grupo IATF da ABS, que onde podemos comparar, sem detalhar variveis, a mdia de prenhez entre o smen heterosprmico e o convencional:

    50%

    51%

    52%

    53%

    54%

    55%

    56%

    43.042

    121.418

    TAXA DE PRENHEZ

    FERTILITY PLUS ANGUSPg. 45

  • CORTE

    PESQUISA

    O efeito touro: resultados comparativos entre o desempenho de partidas seminais na PIV e na IATF Leticia Z. Oliveira, Halim A. Netto, Rodolfo B. Prado, Eva C. D. Benzi, Janaina T. Carreira, Rogrio F. G. Peres, Hugo B. Graff, Fabio M. Monteiro, Joo Paulo N. Martins, Rubens P. Arruda

    Concluso: diante do exposto, foi possvel concluir que apenas o smen heterosprmico (touro10) apresentou-se superior tanto na fertilidade in vivo como in vitro.

    Pg. 46

  • CORTE

    NO CAMPO

    Pg. 47

    Os produtos nascidos do Fertility Plus Angus revisados a campo atendem perfeitamente a demanda do cruzamento industrial, com alto desempenho em ganho de peso. A produo pode no ser to homognea, comparado prognie de um nico touro, nem tem como ser, pois no caso temos 3 pais diferentes, mesmo assim, h uma excelente padronizao de lote e a produtividade por vaca aumenta consideravelmente, pois reproduo impacta muito mais do que maior peso individual.

  • CORTE

    PERGUNTAS E RESPOSTAS

    Pg. 48

    O que Fertility Plus? Fertility Plus o smen heterosprmico, ou seja, contm o ejaculado de trs touros diferentes em uma mesma dose inseminante. O Fertility Plus o produto indicado para maximizar a fertilidade do smen. Qual a vantagem do Fertility Plus comparado ao smen convencional? O Fertility Plus indicado para ter maior segurana em resultados de prenhez, principalmente em situaes de maior desafio, como primparas, vacas com baixo escore corporal ou balano energtico negativo, lotes grandes de IATF, onde a inseminao do lote poder demorar mais do que 3 horas.

    Qual a diferena do Fertility Plus para o smen convencional?Diminuio da variabilidade entre touros e partidas, efeito da complementariedade de plasma seminal, propiciando um ambiente melhor ao espermatozoide, maior tempo de viabilidade dos espermatozoides viveis no trato reprodutivo, pelo efeito da capacitao espermtica, onde o Fertility Plus garante populaes homogneas de espermatozoides de capacitao lenta, mdia e rpida. Este produto resolve problemas de fertilidade do rebanho? No, o Fertility Plus no resolve problemas de fertilidade do rebanho e sim d maior segurana de resultados na IATF ou em situaes de maior desafio.

    Como este produto? O Fertility Plus vem na mesma embalagem tradicional ABS em palhetas mdias de 0,5 ml e o processo de inseminao artificial idntico ao smen convencional.

    Como so compostos os grupos de touros? O foco do Fertility Plus a fertilidade, mas o objetivo primordial da inseminao artificial o melhoramento gentico, assim, so utilizados touros provados com caractersticas especficas de acordo com o objetivo do produtor, mas sempre so selecionados os reprodutores de melhor qualidade de produo na central.No Corte Europeu, so selecionados touros com foco no cruzamento industrial, provados, TOP 1 - 25% para DEPs de desempenho, como peso ao desmame, peso ao ano, caractersticas de carcaa e ndices de valor, como $Desmame, $Confinamento e $Beef.

    Quais so as indicaes para o Fertility Plus? - Qualquer rebanho onde a prioridade a fertilidade - Programas de IATF em gado de corte - Inseminao em vacas leiteiras durante os meses de vero em que a fertilidade normalmente diminui

    Este produto exclusivo ABS? Sim, o Fertility Plus uma tecnologia desenvolvida e patenteada por nossa empresa por isso exclusividade da ABS.

    https://www.youtube.com/watch?v=dgEdRj1m19E

  • ENTREVISTA

    Com mais de 15 anos de experincia, Roberto Barcellos, engenheiro agrnomo e diretor da marca Beef&Veal, considerado um dos maiores especialistas do mercado da carne no pas. O ABS News conversou com o consultor sobre o mercado da carne, a valorizao da arroba e a importncia do investimento em gentica para que o produtor rural obtenha ainda mais lucro nesse cenrio favorvel a pecuria de corte.

    Durante o bate-papo, Roberto Barcellos ainda comentou sobre a maturao do mercado com valorizao da qualidade e a expectativa sobre o futuro do setor. Confira a entrevista:

    ABS NEWS: Como o senhor avalia o mercado da carne brasileira? O pas caminha para um mercado mais maduro?

    ROBERTO BARCELLOS: O Brasil conhecido mundialmente por produzir uma carne barata, fruto de uma pecuria eficiente, est ensaiando

    Panorama da carne

    Pg. 49Pg. 49

    Um dos maiores especialistas do pas faz avaliao sobre o mercado da carne, a valorizao da arroba e a importncia do investimento em gentica para o futuro da pecuria

    os primeiros passos no tema carne de qualidade. O mercado, por sua vez, sinaliza um aumento de demanda para carnes de melhor qualidade, mas, na minha opinio, o Brasil nunca deixar de produzir carne commodity, pois produzir qualidade custa caro. Teremos sim, projetos especficos para atender nichos de mercado, mas, por mais otimista que eu possa ser, vejo o potencial deste cenrio passar dos atuais 2% para 5% do volume de produo nos prximos 10 anos.

    ABS NEWS: A qualidade da carne est mais valorizada no Brasil? O produtor remunerado porcarne de qualidade?

    ROBERTO BARCELLOS: Sim, a carne de qualidade est sendo melhor trabalhada no Brasil, devido a um aumento da demanda dos consumidores por produtos de melhor qualidade. Estamos diante de iniciativas de produtores, indstrias frigorficas, redes varejistas, com objetivos claros de organizao da cadeia produtiva para este objetivo, mas precisamos nos aproximar mais dos consumidores para entender melhor suas preferncias.

  • ENTREVISTA

    Pg. 50Pg. 50

    ABS NEWS: O Brasil possui grande potencial para crescimento neste mercado. O investimento em gentica est no centro do aumento da produo de carne?

    ROBERTO BARCELLOS: Sem dvida nenhuma o investimento em gentica fundamental para a melhoria da eficincia e da qualidade. Mas o animal mais eficiente no ser aquele que ir produzir a melhor carne. Em breve, vamos conseguir diferenciar raas e indivduos que propiciam ganhos em produtividade e eficincia para satisfazer projetos que visem a produo de commodities e teremos raas e indivduos que vislumbrem qualidade de carne. Dificilmente teremos uma raa ou indivduos que proporcionaro alto desempenho com alta qualidade de carne. Mas nada impossvel quando se fala em gentica.

    ABS NEWS: O preo do bezerro apresenta uma valorizao maior do que as cotaes da arroba do boi gordo. A que esse movimento pode ser atribudo? E quais as consequncias?

    ROBERTO BARCELLOS: A atividade de cria nos ltimos anos sempre foi encarada como uma atividade marginal, devido sua menor rentabilidade, ficando restrita a pastagens de pior qualidade. Acredito em um cenrio muito

    positivo para a cria. A profissionalizao da cria passar por aumento de lotao, melhoria na fertilidade, diminuio do intervalo entre partos, diminuio da mortalidade, melhoria na qualidade gentica dos bezerros e bezerras.

    ABS NEWS: Como tornar a comercializao do bezerro mais eficiente? O que falta no Brasil?

    ROBERTO BARCELLOS: A venda de animais por quilo vivo mais clara e justa tanto para comprador como para vendedor. Acredito muito neste caminho.

    ABS NEWS: Com a arroba em alta, a demanda por melhoramento gentico do gado cresce?

    ROBERTO BARCELLOS: Sim, acredito que melhore a seletividade na escolha de reprodutores ou material gentico.

    ABS NEWS: Quem investiu em gentica est lucrando mais com esse cenrio?

    Sem dvida nenhuma o investimento em gentica fundamental para a melhoria da eficincia e da qualidade.

    ROBERTO BARCELLOS: Se a escolha da gentica estiver alinhada com o sistema de produo de sua fazenda, teremos melhoria no desempenho, melhora converso alimentar, melhora rendimento de carcaa e isto resultado na certa.

    ABS NEWS: Qual seu conselho para os pecuaristas?

    ROBERTO BARCELLOS: Cuidado com os programas de qualidade, pois s vezes o aumento de custo de produo no remunerado pelo prmio pago e escolha muito bem esse parceiro da indstria, pois j vi muitos casos que o prmio pago influenciado negativamente por uma diminuio dos rendimentos de carcaa. Cada 1% de rendimento de carcaa equivale a 2% de prmio.

    ABS NEWS: Qual sua previso para o futuro da pecuria de corte brasileira?

    ROBERTO BARCELLOS: Cenrio altamente positivo. Novos projetos, gentica melhoradora, integrao lavoura x pecuria, intensificao atravs suplementao contnua, aumento de demanda externa.

  • Na segunda edio da nossa seo Resultado no Campo, o sucesso dos produtos ABS no centro-oeste do pas

    Nesta edio do ABS News, a coluna Resultado no Campo vem em dose dupla com resultados obtidos em duas fazendas do estado de Mato Grosso do Sul com a utilizao da gentica ABS. O promotor de vendas na regio, Antnio Carlos de Arajo Sobrinho (Coxim), foi quem enviou as fotos e informaes.

    Direto deMato Grosso do Sul

    RESULTADO NO CAMPO

    Pg. 51

  • Na fazenda Monte Lbano, em Rio Negro/MS, possvel ver o sucesso da utilizao de produtos do touro nelore Majavadi do Arroio em vacas comerciais. A padronizao do lote chama ateno, assim como as fortes caractersticas raciais, entre elas a presena de muita barbela nos bezerros. So animais com mdia de 60 dias.

    J na fazenda Boa Vista, tambm no municpio de Rio Negro, foi utilizado smen do touro Game Point (Angus) para cruzamento industrial com vacas Nelore. As duas propriedades so do pecuarista Renato Laudisio Felcio. Fazenda Monte Lbano

    Fazenda Boa Vista

    Clientes, tcnicos, representantes ou parceiros da ABS podem contribuir com a seo Resultado no Campo. Para participar, basta enviar por e-mail ([email protected]) uma foto do rebanho e informaes sobre a fazenda e o produto ABS que foi utilizado. Participe!

  • ABS na Semana do Produtor Compartilhando informao...Uma srie de palestras marcou a programao da Semana do Produtor 2014, em Itapetinga (BA). O gerente de Produto Leite Tropical da ABS, Fernando Rosa, foi um dos palestrantes, abordando temas como Gentica Tropical, cruzamento em raas leiteiras e programas da ABS direcionados para a produo de leite a pasto. Mais de 300 produtores e tcnicos dos municpios da regio do sudeste baiano participaram do evento que foi promovido entre os dias 20 e 23 de outubro. Para receber os visitantes, a equipe da Agrogentica (representante ABS) montou um estande no Parque de Exposies Juvino Oliveira. A Semana do Produtor foi realizada pelo Sindicato Rural, Senar-BA (Servio Nacional de Aprendizagem Rural) e FAEB (Federao da Agricultura e Pecuria do Estado da Bahia).

    Dezenas de produtores rurais e tcnicos do Rio Grande do Sul participaram de um ciclo de palestras e treinamentos entre os dias 17 e 20 de novembro. O evento foi promovido pela Cotrijal (Cooperativa Agropecuria e Industrial), em parceria com a ABS. Uma equipe da ABS percorreu as filiais da cooperativa para falar sobre tecnologia, gentica e inseminao artificial, oferecendo informaes importantes para que os pecuaristas conquistem mais lucratividade no rebanho leiteiro. Entre as ferramentas apresentadas, o programa de acasalamento GMS e o

    ABS Monitor. Tambm foi oferecido treinamento para os produtores sobre a leitura de catlogos e avaliao linear das vacas, alm de reciclagem de inseminadores.

    Pg. 53

    NOTAS E DESTAQUES

  • Pg. 54

    NOTAS E DESTAQUES

    Diretor da ABS na ASBIA Na rota do conhecimentoO diretor da ABS, Mrcio Nery Magalhes Junior, est

    pela terceira gesto consecutiva na diretoria da ASBIA

    (Associao Brasileira de Inseminao Artificial).

    Ele assumiu no dia 3 de novembro o comando da diretoria

    operacional para o binio 2015/2016. Na presidncia da

    Associao est Carlos Vivacqua Carneiro Luz, diretor

    da AG Brasil; como vice-presidente, Srgio de Brito Pietro

    Saud, diretor da CRI Gentica; e o diretor secretrio

    Nelson Eduardo Ziehlsdorff, da Semex. O grupo planeja,

    entre outras aes, a

    reestruturao do estatuto

    e a renovao do relatrio

    de comercializao.

    No dia 30 de outubro, a central da ABS em Uberaba

    (MG) recebeu cerca de 40 tcnicos, pecuaristas e

    estudantes da regio de Ribeiro Preto (SP). O grupo

    participava do 3 Curso Boi com Bula - Acasalamentos

    Dirigidos (Nelore), promovido pela empresa Brazil

    com Z. Durante cinco horas de visita a empresa, foi

    realizada uma aula sobre os critrios de seleo,

    avaliaes morfolgicas e estudo de touros. Os alunos,

    acompanhados do professor o zootecnista Willian

    Koury Filho, tambm

    acompanharam um desfile

    de touros destaques da

    bateria Corte Zebu ABS.

  • Pg. 55

    NOTAS E DESTAQUES

    Sucesso h dois anos Novidade para a raa charolsO ABS Monitor, o Servio de Monitoramento Reprodutivo

    de rebanhos leiteiros, completou dois anos no mercado

    com muito sucesso: mais de 30 mil animais cadastrados. A

    ferramenta tecnolgica, disponibilizada para clientes ABS

    gratuitamente, pode ser utilizada em computadores, tablets

    ou smartphones. Pelo sistema, o pecuarista cadastra seu

    rebanho e consegue acompanhar e analisar o desempenho

    atravs de vrios grficos gerados pelo programa, que

    tambm oferece listas de manejo para orientar a rotina

    de trabalho do produtor.

    Na prxima edio do ABS

    News, voc confere uma

    reportagem especial sobre

    o ABS Monitor.

    Na ltima semana de novembro, foi realizado

    o primeiro abate do Programa Carne Charols

    Certificada, lanado em julho. O lote de animais

    cruzados foi abatido no Frigorfico Verdi de Pouso

    Redondo/SC, iniciando oficialmente o programa que

    objetiva impulsionar a raa, divulgando o potencial de

    seus animais quanto a produo de carne de qualidade

    e em quantidade. No primeiro abate, foram 18 novilhas

    com idade de Dente de Leite e Dois Dentes, sendo que

    o peso mdio de carcaa

    do lote foi de 282 kg. O

    programa coordenado

    pelo engenheiro agrnomo

    Eldomar Renato Kommers.

  • OLHAR RURAL

    OLHARRURAL

    GANHADORES DO CONCURSO

    CALENDRIO 2015 - AS ESCOLHIDAS

    Chegamos ao fim do ano e a mais uma seleo de fotos para ilustrar nosso

    calendrio, atravs do Concurso Olhar Rural.

    Este ano, alm de receber as fotos via e-mail, tivemos tambm inscries feitas via

    redes sociais (Instagram e Facebook) atravs da hashtag #olharrural. O resultado

    foi dezenas de fotos inscritas, e mais 100 pr selecionadas concorrendo a ilustrar

    o catlogo ABS 2015.

    Nas prximas pginas apresento a vocs as 12 mais votadas. E como no foi

    nada fcil selecionar apenas 12, alm das fotos extras no final do calendrio este

    ano estamos lanando diversas opes de planos de fundo para rea de trabalho

    do computador, com as belas fotos inscritas no concurso. Faa o download em

    nosso site, na pgina do Olhar Rural: www.abspecplan.com.br/olharrural

    Solicite seu calendrio ao representante ABS mais perto de voc ou nos envie um

    pedido atravs do Fale Conosco, em nosso site.

    E VEM MAIS POR A!

    As inscries para o Concurso 2015 j esto abertas e desta vez teremos o Olhar

    Rural Leite e o Olhar Rural Corte. Ao final do ano escolheremos as melhores fotos

    para ilustrar um calendrio com o tema Leite e outro com o tema Corte.

    Participe! Voc poder enviar suas fotos para [email protected] ou se

    inscrever pelas redes sociais, Facebook e Instagram, marcando sua foto com a

    hashtag #olharrural

    Obrigada mais uma vez a todos que participaram enviando fotos, acessando os

    lbuns, curtindo e compartilhando as imagens!

    ABraoS!Livia Frana

    Gerente de Comunicao ABS Pecplan

    abspecplan @abspecplan

  • Natureza se readaptando de Reinaldo Csar JAN Vacas pastejando e colheita de soja ao fundo de Henrique Ruppenthal FEV

    Natureza na passarela de Janus KatsmanMAR ABRMovimento no cu e na terra de Carlos Lopes

  • Manh de neblina de Karen Camille GisMAI JUN

    JUL AGO

    Bebs de Camila Zanitti de Oliveira

    Terras de VISHNU, onde a paixo pelo Nelore passada de gerao em gerao de Naurus Fotografias

    A fora da ABS Pecplan no campo de Marcelo Selistre

  • Hereford na Fazenda Rochedo em Alegrete de Fernanda Duarte

    Domingo ensolarado de Janus Katsman

    SET OUT

    NOV DEZ

    O encanto da primavera de Ivete Ricken Domiciano

    Deixando a seca para trs de Marcio Nery