aula inaugural 2010

Click here to load reader

Download AULA INAUGURAL 2010

Post on 04-Jan-2016

28 views

Category:

Documents

0 download

Embed Size (px)

DESCRIPTION

CENTRO DE ENSINO “VICENTE MAIA”. AULA INAUGURAL 2010. São Luís - 2010. CENTRO DE ENSINO “VICENTE MAIA”. PROGRAMAÇÃO. Saudações e boas-vindas Composição da mesa Entoação do Hino Nacional Apresentação da equipe Reflexão sobre os direitos e deveres dos/as alunos/as - PowerPoint PPT Presentation

TRANSCRIPT

  • AULA INAUGURAL 2010So Lus - 2010CENTRO DE ENSINO VICENTE MAIA

  • PROGRAMAOSaudaes e boas-vindasComposio da mesaEntoao do Hino NacionalApresentao da equipe Reflexo sobre os direitos e deveres dos/as alunos/asApresentao das aes previstas para 2010Sistemtica de avaliaoReproduo de filmeCENTRO DE ENSINO VICENTE MAIA

  • COMPOSIO DA MESA

  • ENTOAO DO HINO NACIONAL

  • HINONACIONAL BRASILEIRO

    Msica: Francisco Manoel da SilvaLetra: Joaquim Osrio Duque Estrada

  • Ouviram do Ipiranga s margens plcidas

  • De um povo herico o brado retumbante,

  • E o sol da liberdade, em raios flgidos,

  • Brilhou no cu da Ptria nesse instante.

  • Se o penhor dessa igualdade

  • Conseguimos conquistar com brao forte,

  • Em teu seio, Liberdade,

  • Desafia o nosso peito prpria morte!

  • Ptria amada,

  • Idolatrada,

  • Salve! Salve!

  • Brasil, um sonho intenso, um raio vvido

  • De amor e de esperana terra desce,

  • Se em teu formoso cu, risonho e lmpido,

  • A imagem do Cruzeiro resplandece.

  • Gigante pela prpria natureza,

  • s belo, s forte, impvido colosso,

  • E o teu futuro espelha essa grandeza

  • Terra adorada,

  • Entre outras mil,

  • s tu, Brasil,

  • Ptria amada!

  • Dos filhos deste solo s me gentil,

  • Ptria amada, BRASIL!

  • Deitado eternamente em bero esplndido,

  • Ao som do mar e luz do cu profundo,

  • Fulguras, Brasil, floro da Amrica,

  • Iluminado ao sol do Novo Mundo!

  • Do que a terra mais garrida

  • Teus risonhos, lindos campos tm mais flores;

  • Nossos bosques tm mais vida,

  • "Nossa vida" no teu seio "mais amores".

  • Ptria amada,

  • Idolatrada,

  • Salve! Salve!

  • Brasil, de amor eterno seja smbolo

  • O lbaro que ostentas estrelado,

  • E diga o verde-louro desta flmula

  • - Paz no futuro e glria no passado.

  • Mas, se ergues da justia a clava forte,

  • Vers que um filho teu no foge luta,

  • Nem teme, quem te adora, a prpria morte.

  • Terra adorada

  • Entre outras mil,

  • s tu, Brasil,

  • Ptria amada!

  • Dos filhos deste solo s me gentil,

  • Ptria amada,

  • Brasil!

  • EQUIPE VICENTE MAIAANA CLIA FERREIRA MENDES (Professor de Lngua Portuguesa)JOS CARLOS GONALVES FILHO (Professor de Lngua Portuguesa)JUDITH CARVALHO MORAES (Professora de Lngua Portuguesa)ALBERTINHO SOUSA DA MOTA (Professor de Lngua Portuguesa)ANA MARIA FERREIRA MATOS (Professora de Lngua Inglesa)ROBERTO CARLOS VITORIO DOS SANTOS (Professor de Lngua Inglesa)LEDA MARIA CASTRO SERRA (Professora de Histria)FLVIA REGINA S. MARTINS (Professora de Histria)RAIMUDO MIGUEL CUTRIM (Professor de Histria)LUCILEY MACHADO MELONIO (Professora de Geografia)JOS DE RIBAMAR LOPES FERREIRA (Professor de Geografia)HILDEGARD GALVO DA SILVA (Professor de Matemtica)ANA CLUDIA MORAES SOUSA (Professora de Matemtica)JOS CARLOS FERREIRA (Professor de Matemtica)

  • ELISIO LUIS GONZAGA DA SILVA (Professor de Fsica)MARIA CHRISTINA SOARES DO PRADO LUI (Professora de Fsica)LAUDELINO SIMO CAMPOS ALMEIDA (Professor de Qumica)HEBBGLAYDSON L.S. NASCIMENTO (Professor de Qumica)FRANCISCA MARIA N DA CRUZ (Professora de Biologia)ANA TEREZA (Professora de Biologia)MARIA FRANCISCA T.A. M. RAPOSO (Professora de Sociologia)MARCO ANTONIO CRUZ (Professor de Sociologia)CLAUDIO DE AQUINO N GOMES (Professor de Arte)JOS ROGERIO DE PINHO ANDRADE (Professor de Filosofia)ARENICE FREITAS DA SILVA (Professora de Filosofia)MRCIO DUARTE CUTRIM (Professor de Filosofia)LOURIVAL DE LIMA SILVA (Gestor Geral)GENSIO ABREU PEREIRA (Gestor Adjunto)

  • ALBERTINA PEREIRA (Auxiliar de Servios Gerais)ELIANE PAIXO FERREIRA (Auxiliar de Servios Gerais)FRANCISCA MACIEL ALMEIDA (Auxiliar de Servios Gerais)GILSON SOARES LINDOSO (Vigia)MARIA DO ROSRIO SILVA VIDIGAL (Auxiliar de Servios Gerais)VICENTINA PINTO BORGES (Secretria)TEREZINHA DE JESUS L SILVA (Auxiliar administrativo)ANTONIO CARLOS SEIXAS AMORIM (Auxiliar administrativo)KATHARINE CAIRES MOUCHEREK (Supervisora Escolar)REGINA MARIA SILVA GALENO (Apoio Pedaggico)

  • AES PARA 2010Perodo de AdaptaoAvaliao DiagnsticaProjeto Professor ConselheiroProjeto Liderana e CidadaniaGincana CulturalCampanha de Combate a AIDSProjeto Memrias

  • Reflexo sobre os direitos e deveres dos/as alunos/asPerfil do aluno cidado: assduoCumpre os horrios estabelecidos;Usa uniforme escolar;Relaciona-se de maneira cordial;Zela pelo patrimnio/equipamentos da escola;Realiza as atividades pedaggicas propostas pelo professor;Participa de forma responsvel nas atividades programadas pela escola.

  • PROIBIDO ao alunoDescaracterizao do fardamento escolar: uso de bon, roupas inadequadas (minissaia, short, top, miniblusa, roupas de lycra ou muito aderentes ao corpo);Fumar ou ingerir bebidas alcolicas nas dependncias da escola;Ocupar-se durante as aulas com atividades alheias s mesmas (sair da sala para transitar pela escola, sair sem autorizao da sala de aula, perturbar a aula do(a)professor(a), conversar nos corredores durante o horrio de aula, gritar nos corredores);

  • Portar objetos que coloquem em risco a integridade fsica, moral, individual e coletiva;Brigar, incentivar os colegas a brigar, brincadeiras com contato fsico, namorar (abraar, beijar);Danificar os equipamentos da escola, pichar paredes, carteira, mesas ou outras formas de depredao do patrimnio escolar, cabendo gesto escolar encaminhar o fato Geape, na forma da lei. Ao aluno maior de 18 anos caber indenizar a escola pelo dano causado.Transitar com bicicleta nas dependncias da escola. PROIBIDO ao aluno

  • PROIBIDO AO ALUNOO uso de aparelhos sonoros (celular, mp3, rdio e similares) na sala de aula ou nas dependncias da escola. O aluno que desobedecer a esta norma ser convidado a entregar o aparelho gesto, professores ou funcionrios e o objeto confiscado ser entregue apenas ao final do turno, acompanhado por registro do ocorrido;Obs.:No caso do uso de celulares, mant-los no modo silencioso e atender ligaes somente fora da sala de aula, com anuncia do professor;Acessar orkut e msn no laboratrio de informtica, salvo se por orientao do professor; Desrespeitar funcionrios, professores e coordenadores.

  • NNORMAS01O aluno respeitar os horrios de entrada e sada da escola.02Entre um horrio e outro, o aluno dever permanecer em sala espera do professor.03O aluno no dever portar (na escola) objeto de valor: jias, celulares, instrumentos musicais e acessrios como: bons, viseiras, boinas etc... proibido trazer para a escola materiais pornogrficos, instrumentos cortantes e quaisquer tipo de armas.04O aluno dever respeitar o professor, o colega e todos os funcionrios da escola.05 proibido fumar, ingerir lcool e/ou qualquer outra substncia ilcita.06 proibido entrar na sala ou sair sem a permisso do professor e da escola sem autorizao da direo.07O aluno dever trazer o material a ser utilizado em sala de aula (caderno, lpis, caneta, livros...)08O aluno dever usar o fardamento completo da escola. expressamente proibido uso de roupas inadequadas (minissaia, short ou cala de lycra, top, miniblusa e roupas muito aderentes ao corpo).

  • Sanes disciplinaresEm caso de desobedincia s regras de nmero 1 a 7 o aluno receber...Na primeira vez: advertncia verbal;Na segunda vez: advertncia verbal e escrita em dossi;Na terceira vez: suspenso de 3 dias letivos e o aluno assinar termo de responsabilidade;Na quarta vez: de acordo com a gravidade do caso, e aps anlise do conselho escolar, poder ser dada a transferncia.

  • ORIENTAES SOBRE A SISTEMTICA DE AVALIAO NO ENSINO MDIO

  • SISTEMTICA DE AVALIAO ENSINO MDIONotas de 0 a 10 Anlise qualitativa do desempenho por eixos de competncias; Recuperao Paralela; Novo Momento Avaliativo; Promoo: mdia anual 7,0; Reprovao: inferior a 7,0 aps novo momento avaliativo;

  • PROMOOO aluno estar aprovado se obtiver nota igual ou superior a 7,0(sete) por componente curricular, na mdia final, obtendo frequncia mnima de 75% das 800 horas na srie correspondente;

    Aps o novo momento avaliativo ser aprovado o aluno que obtiver a nota igual ou superior a 7,0 (sete). Entretanto se essa nota no for alcanada o professor poder fazer uma anlise da situao do aluno, de forma individual e no coletivo e ajuizar um valor condizente a essa anlise, desobrigando-se de decidir a condio final do aluno por meio da mdia aritmtica;

  • REPROVAOO aluno ser considerado reprovado se no obtiver mdia mnima de 7,0 no novo momento avaliativo;A mdia do novo momento avaliativo no ser somada com a mdia anual, ela decisria para o resultado final;OBS: No caso especfico da 8 srie do EJA e 3 srie do EM tem o direito de prestar exame junto ao Centro de Educao de Jovens e Adultos CEJA, em at dois componentes curriculares.

    Alunos que no obtiverem freqncia mnima de 75% do comput das 800 horas.

  • ALGUMA DVIDA?Fique a vontade para perguntar!Amanh continuaremos, com a apresentao das principais propostas para o ano de 2010!

    *