climatologia geogrfica

Download Climatologia geogrfica

Post on 21-Feb-2017

72 views

Category:

Education

0 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

Apresentao do PowerPoint

CLIMATOLOGIA GEOGRFICA

MOVIMENTO DE ROTAO DA TERRA TERRA

MOVIMENTO DE TRANSLAO

A camada de oznio uma espcie de capa composta por gs oznio (O3), sendo responsvel por filtrar cerca de 95% dos raios ultravioleta B (UVB) emitidos pelo Sol que atingem a Terra.

O CONCEITO DE CLIMA Para compreender o clima de um determinado local, preciso estudar os diversos tipos de tempo que costumam ocorrer durante vrios anos seguidos. Tanto o clima como o tempo referem-se aos mesmos fenmenos atmosfricos: a temperatura e a insolao, a presso atmosfrica, os ventos, a umidade do ar e as precipitaes .

Diferena entre Tempo e Clima

Tempo uma combinao passageira dos elementos do clima.

Clima a sucesso habitual dos tipos de tempo.Clima: A palavra clima deriva do grego e significa inclinao referindo-se a curvatura da Terra, que condiciona em grande parte os diferentes tipos climticos terrestres

Elementos climticos

So grandezas (variveis) que caracterizam o estado da atmosfera, ou seja:

radiao solar, temperatura do ar, umidade do ar, presso atmosfrica, velocidade e direo do vento, precipitao.

Esse conjunto de variveis descreve as condies atmosfricas em um dado local e instante.

Fatores ou controles do Clima:

So os agentes causais que condicionam os elementos do clima. Fatores geogrficos que interferem nos elementos do clima:

latitude, altitude, continentalidade/ maritimidade, tipo de corrente ocenica (fria ou quente), radiao solar (dia/noite)

A radiao solar pode ser tomada como elemento ou fator do clima, pois quando a radiao solar influencia a variao diria da temperatura do ar esta se torna um fator do clima, mas no deixa de ser, por natureza um elemento do clima.

1. Temperatura

- Latitude: quanto mais prximo uma rea estiver da linha do equador, maior ser sua temperatura; quanto mais distante dessa linha estiver, menor ser sua temperatura. Assim, nas latitudes baixas (prximas do equador), a temperatura mais elevada e, nas latitudes altas (prximas dos polos, a temperatura mais baixa. Isso ocorre devido insolao diferencial, pois a forma esfrica da Terra faz com que a intensidade da radiao solar recebida seja desigual nas diferentes latitudes.

FATORES CLIMTICOS: Latitude

- Altitude: quanto maior a altitude, menor ser a temperatura. Devido aos fatores de presso.

Monte Kilimanjaro Qunia - frica

Campos do Jordo = 1.600 m 04/05/1208:00 = 11C min 7 e max 11

So Paulo = 800m 04/05/1208:00 = 15C min 13 e max 24

- Continentalidade/Maritimidade: se refere ao afastamento de uma rea em relao s grandes massa lquidas: mares e oceanos. Quanto mais afastado do mar for um local, maior ser a sua continentalidade. A continentalidade aumenta a amplitude trmica (diria e anual) de um lugar.

Amplitude trmicaVariao/Diferena entre a Mxima e a Mnima temperatura30

3010202010MximaMximaMnimaMnimaAmplitudetrmicaAmplitudetrmica

2 - Presso atmosfrica:

a fora que o ar exerce sobre a superfcie terrestre, o peso do ar. Em geral, ela menor nos lugares mais altos e nas regies quentes. Dessa forma a altitude e a temperatura interferem na presso atmosfrica:

- altitude: a presso atmosfrica varia conforme a altura. Quanto menor a altitude maior o volume de gases sobre a superfcie, portanto maior presso. Na medida em que a altitude maior, menor presso porque a densidade menor.

- temperatura: ar aquecido sofre dilatao, tornando-se mais leve e por isso, o ar ascende (subir).

3 Ventos:

o ar em movimento. So as diferenas de presso atmosfrica que explicam esse movimento, que ocorre principalmente na horizontal, isto , de uma rea para outra. Mas esse movimento tambm pode ser vertical, ou seja, da superfcie, onde o ar mais aquecido, para as elevadas altitudes

VENTO

Alta pressoBaixa temperaturaBaixa pressoAlta temperatura

4 Umidade do Ar:

a gua em suspenso no ar atmosfrico. O ar tem uma capacidade limite, quando atingido, fica saturado. O ar quente tem maior capacidade de conter maior vapor de gua do que o ar frio. Quando o ar saturado enfrenta uma diminuio de temperatura ele condensa originando o orvalho, as nuvens, a neve, o nevoeiro e a chuva.

5 Precipitao:

A chuva, a neve, a geada, o orvalho e o granizo, so formas de precipitao atmosfrica. Todas elas resultam da condensao, fenmeno que ocorre quando h resfriamento ou excesso de vapor de gua.

Chuva de granizo

Como se formam as nuvens?As nuvens se formam a partir da condensao do vapor dgua presente no ar. O ar aquecido sobe e, ao se resfriar, forma as nuvens. O ponto de orvalho a temperatura a partir da qual o vapor dgua contido no ar comea a condensar.

NevoeiroOcorre o nevoeiro quando a temperatura em superfcie atinge o ponto de orvalho, ou seja, quando o vapor dgua presente no ar comea a condensar, formando gotculas de gua.

Nevoeiro emSan Francisco,Estados Unidos

NuvensQuando uma parcela de ar ascende na atmosfera, ela se resfria e o vapor dgua nela presente se condensa. Formam-se, ento, as nuvens. Existem vrios tipos de nuvens. Vejamos alguns.

CUMULUS

CIRRUS

(NIMBO) STRATUS

CUMULONIMBUS

Tipos de chuvaAs chuvas so classificadas em trs tipos, segundo sua origem:

OROGRFICAS FRONTAIS CONVECTIVAS

FuracesOs furaces so formados a partir de centros de baixa presso que surgem nos oceanos aquecidos das latitudes baixas (de 5 a 15 N e S). Seus ventos podem atingir at 250 km/h e seu dimetro varia de 150 a 500km. Na sia so tambm denominados tufes.

Imagem por satlite Furaco Fran - 1996

TornadosTornados surgem a partir do choque de duas massas com temperaturas muito diferentes. Ocorrem sobretudo no continente, sua velocidade pode atingir at 400 km/h e seu dimetro pequeno, no passando de 500 metros.

6 Massas de Ar:

Massas de ar so pores da atmosfera que apresentam caractersticas particulares de temperatura, presso e umidade.

Zona de convergncia intertropical (ZCI)

Massas de ar:

So os elementos mais importantes para explicar as mudanas no comportamento dos fenmenos atmosfricos.Massas de ar: constituem volumes da atmosfera (semelhantes a enormes bolhas ou bolses) que tm algumas propriedades em comum (presso, temperatura e umidade).

So cinco as principais massas de ar que interferem no clima brasileiro.mEc (massa equatorial continental) quente e midamTc (massa tropical continental) quente e secamEa (massa equatorial atlntica) quente e midamTa (massa tropical atlntica) quente e midamPa (massa polar atlntica) fria e mida no inverno provoca frio e chuva no Sul e Sudeste; chuvas no Nordeste (litoral e serto) e friagem no Norte. No vero provoca chuva.

CLIMA BRASIL: tipos climticos1 Equatorial2 Tropical3 Tropical de Altitude4 Tropical Atlntico/mido5 Semi-rido6- Subtropical

veroCLIMA BRASIL: massas de ar

invernoCLIMA BRASIL: massas de ar

Inverno rigoroso chuvas distribudas regularmente pelo ano todo, com ndices pluviomtricos superiores os 1.250 mm ao ano-duas estaes bens definidas: vero quente e chuvoso; inverno seco.-amplitude trmica oscilando entre 5C e 6CQuantidade de chuvas de 1.500 mm ao ano. -2 estaes bens definidas:vero quente e chuvoso; inverno seco.-temperatura mediana o no vero e baixa no inverno.Temperaturas elevadasChuvas escassas e irregulares, com uma mdia anual inferior a 750mm. -elevada temperatura e pequena amplitude trmica, variando entre 24C e 26C- Alta pluviosidade, com ndices pluviomtricos superiores a 2.000 mm.-2 estaes bens definidas:vero quente e chuvoso; inverno frio e com alta pluviosidade.

Clima tropical atlnticoClima equatorialClima tropicaltropical de altitudeSemi-ridoSubtropical

Clima tropical atlnticoClima equatorialClima tropicaltropical de altitudeSemi-ridoSubtropical

POLARES Ocorrem em latitudes extremas, prximo aos crculos polares rtico e Antrtico, grande variao da durao do dia e da noite. Baixas temperaturas o ano todo, mxima de 10C no vero.

TEMPERADOS Apresentam as quatro estaes bem definidas. H diferenas entre os locais prximos e os que esto longe do mar.

MEDITERRNEOS Veres quentes e secos e invernos amenos e chuvosos. Chuvas de outono e no inverno.

TROPICAIS Quentes o ano inteiro; duas estaes: vero chuvoso e inverno seco. Apresentam variaes em funo da altitude, da maritimidade e da continentalidade.

EQUATORIAIS Temperaturas elevadas e chuvas abundantes o ano todo, com pequena amplitude trmica anual.

SUBTROPICAIS Das mdias latitudes onde comeam a se delinear as quatro estaes. Chuvas bem distribudas, veres quentes e invernos frios, com significativa amplitude trmica anual.

RIDOS Extrema falta de umidade, elevadas amplitudes trmicas diria e sazonal. Chuvas inferiores a 250mm. anuais.

SEMI-RIDOS So climas de transio. Chuvas escassas e irregulares. Encontrados tanto nas regies tropicais quanto nas zonas temperadas (onde apresentam invernos frios).

FENMENOS CLIMTICOS: frente fria

FENMENOS CLIMTICOS: ilhas de calor

FENMENOS CLIMTICOS: inverso trmica

FENMENOS CLIMTICOS: Mones

veroinverno

Debate: Aquecimento GlobalAquecimentoResfriamento

Ao NaturalAo antrpica (Homem)