dulciléia maria evangelista gobbo secco

Download Dulciléia Maria Evangelista Gobbo Secco

Post on 08-Jan-2017

217 views

Category:

Documents

1 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

  • UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARAN

    DULCILIA MARIA EVANGELISTA GOBBO SECCO

    A AFETIVIDADE E O ESPORTE ESCOLAR: UM ESTUDO COM TCNICOS E

    ATLETAS DE BASQUETEBOL DE 13 A 15 ANOS

    CURITIBA

    2015

  • DULCILIA MARIA EVANGELISTA GOBBO SECCO

    A AFETIVIDADE E O ESPORTE ESCOLAR: UM ESTUDO COM TCNICOS E

    ATLETAS DE BASQUETEBOL DE 13 A 15 ANOS

    Dissertao apresentada ao Curso de Ps-Graduao em Educao, Linha de Pesquisa Cognio, Aprendizagem e Desenvolvimento Humano, Setor de Educao, Universidade Federal do Paran, como requisito parcial obteno do ttulo de Mestre em Educao. Orientador: Prof. Dr. Valdomiro de Oliveira

    CURITIBA

    2015

  • Catalogao na publicao Mariluci Zanela CRB 9/1233

    Biblioteca de Cincias Humanas e Educao - UFPR

    Secco, Dulcilia Maria Evangelista Gobbo A afetividade e o esporte escolar: um estudo com tcnicos e atletas de

    basquetebol de 13 a 15 anos / Dulcilia Maria Evangelista Gobbo Curitiba, 2015.

    298 f. Orientador: Prof. Dr. Valdomiro de Oliveira

    Dissertao (Mestrado em Educao) Setor de Cincias Humanas da Universidade Federal do Paran.

    1. Esportes Estudo e ensino. 2. Esportes escolares - Treinamento. 3.

    Atletas - Emoo. 4. Basquetebol. I.Ttulo. CDD 796.32307

  • DEDICATRIA

    A Deus, por me revestir com sua bondade e misericrdia.

    Pelo seu amor incondicional.

    Por conduzir meus passos e me iluminar em todos os momentos.

    Pelo seu testemunho de f e amor.

  • AGRADECIMENTOS

    Existem pessoas em minha vida que me fazem feliz pela simples

    casualidade de haverem cruzado o meu caminho.

    Algumas percorrem o caminho ao meu lado vendo muitas luas passarem, j

    outras, apenas vi entre um passo e outro...

    A todos chamo AMIGOS....H muitos tipos deles... Cada folha de minha

    rvore simboliza um deles...

    O primeiro broto so meus Pais, meu tudo, que me mostram na sua

    simplicidade o que a vida, depois vm os amigos Irmos, os amigos Filhos a

    quem amo tanto e com quem divido meu espao para que possam florescer como

    eu...

    Passo ento a conhecer toda a famlia de folhas, a quem respeito e quero

    bem...

    Mas o destino me apresenta outros amigos, os quais no sabia que iam

    cruzar o meu caminho. A eles denomino amigos de alma, de corao, porque so

    sinceros e verdadeiros. Sabem quando estou bem, o que me deixa feliz...

    Um dia desses, um amigo da alma se instalou em meu corao...

    Ento o chamo de MEU AMOR ETERNO... esse d brilho aos meus olhos,

    msica aos meus lbios, cho dos meus ps.

    Mas tambm existem aqueles amigos s por um tempo, talvez por umas

    frias, uns dias ou umas horas. Eles colocaram sorrisos em minha face durante o

    tempo em que estivemos juntos.

    No posso esquecer-me dos amigos Distantes e dos amigos Professores,

    que esto nas pontas dos ramos de minha rvore, os quais, quando o vento sopra,

    sempre aparecem entre uma folha e outra...

    O tempo passa, o vero se vai, o outono se aproxima, ento perco algumas

    das minhas folhas. Algumas nascem em outro vero, outras permanecem por muitas

    estaes. Mas o que me deixa feliz so aquelas folhas que caram, mas continua a

    alimentar minha raiz com a alegria e com as recordaes de momentos

    maravilhosos do tempo em que cruzaram meu caminho.

    Agradeo a voc, meu Orientador, que cruzou o meu caminho e que

    comigo deixa um pouco de si.

  • Esta a maior responsabilidade da minha vida. Cuidar de meus amigos!

    Agradeo a voc, folha da minha rvore....Hoje e Sempre! Simplesmente

    porque em minha vida nica...Deixou um pouco de si comigo e levou um pouco

    de mim...

    Amigos Pais;

    Amigo AMOR;

    Amigos Filhos;

    Amigos Irmos;

    Amigo Orientador;

    Amigos Professores;

    Amigos Tcnicos;

    Amigos Atletas;

    Amigos Presentes;

    Amigos Ausentes;

    Amigos...Amigos...OBRIGADA!

  • No me importa saber como voc ganha a vida. Quero saber o que mais deseja

    e se ousa sonhar em satisfazer os anseios do seu corao. No me interessa saber sua idade.

    Quero saber se voc correria o risco de parecer tolo por amor, pelo seu sonho, pela aventura de estar vivo.

    O que eu quero saber se voc j foi at o fundo de sua prpria tristeza, se as traies da vida o enriqueceram ou

    se voc se retraiu e se fechou, com medo de mais dor. Quero saber se voc consegue conviver com a dor, a minha ou a sua,

    sem tentar escond-la, disfar-la ou remedi-la. Quero saber se voc capaz de conviver com a alegria, a minha ou a sua, de sorrir com total abandono e deixar o xtase penetrar at a ponta dos seus dedos, sem se

    advertir que seja cuidadoso, que seja realista, que se lembre das limitaes da condio humana.

    Oriah Mountain Dreamer

  • RESUMO

    O presente estudo teve por objetivo investigar a afetividade de atletas e tcnicos no ambiente de treinamento de basquetebol escolar. De enfoque qualitativo e quantitativo, que se interligaram, todo o processo de pesquisa caracterizou-se do tipo exploratrio descritivo. Partiu-se inicialmente de uma questo problema: Quais so as emoes e sentimentos que surgem nos treinamentos de basquetebol em atletas na faixa etria de 13 a 15 anos, que iniciam sua prtica sistemtica? A

    amostra comps-se de um total de 128 participantes 117 atletas do ensino fundamental e mdio de 13 a 15 anos e seus 11 respectivos tcnicos, de oito instituies de Ensino pblico e privado de Curitiba, que participam de treinamentos regulares de basquetebol ofertados pelas suas instituies de ensino. Utilizou os seguintes instrumentos de coleta de dados: Questionrio Sociodemogrfico; Formulrio de classificao de critrio econmico; e instrumento para a apreenso de afetos Mapa afetivo (VIANA, 2009). A anlise dos dados qualitativos, realizada por meio da anlise de contedo de Bardin (2006), anlise e construo dos Mapas Afetivos, segue a metodologia para a apreenso de afetos (BOMFIM, 2003; 2010). Os dados quantitativos foram trabalhados mediante a anlise estatstica descritiva com o uso do programa Statistical Package Social Sciences (SPSS verso 22). Em funo dos resultados obtidos, entende-se que a afetividade no ambiente de treinamento exerce influncia potencializadora na ao de atletas e tcnicos durante suas atividades esportivas. Sobre as emoes e sentimentos, observou-se que os participantes apontam sentir de mane ira expressiva sentimentos positivos. Para identificar seu ambiente de treinamento, elaboraram as imagens de: Agradabilidade, Pertencimento, Atrao e Contraste, todas denotando estima positiva ao ambiente em questo. Os resultados da investigao e identificao das emoes e sentimentos e a sua influncia na afetividade podem permitir compreender como atletas e tcnicos so afetados e afetam o ambiente de treinamento esportivo e sugerem a importncia do incentivo prtica esportiva. Palavras-chave: Esporte. Afetividade. Treinamento. Emoes. Sentimentos. Escola.

  • ABSTRACT

    This study aimed to investigate the affectivity of athletes and coaches of basketball in the school training environment. It was used a qualitative and quantitative approach, and the whole research process was characterized as exploratory descriptive. Initially it was presented a research problem question: What are the emotions and feelings that arise from athletes aged 13 to 15 in basketball training when beginning their systematic practice? The research sampled a total of 128 participants - 117 athletes from elementary and high school ranging from 13 to 15 years old and their 11 respective coaches. The eight public and private schools selected to this work offered students a regular basketball training program. It was used the following data collection instruments: sociodemographic questionnaire; Economic criteria form; and the instrument for the seizure of affection Affective Map. (VIANA, 2009). The qualitative data analysis was performed using Bardin content analysis, which is the analysis and the construction of Affective Maps, follows the methodology for the apprehension of affection (BOMFIM, 2003; 2010). The quantitative data were analyzed using descriptive statistical analyses such as the Statistical Package Social Sciences (SPSS). It was understood, because of the results, that the affectivity in the training environment has potential effect on athletes and coaches performance during their sport activities. Regarding emotions and feelings, it was observed that the participants demonstrated their positive feelings much more expressively. As for the identification of their training environment, it was presented the images as follow: Agreeableness, Belonging, Attraction and Contrast. All of them denoted a positive esteem towards their individual environment. The results of this study regarding emotions, feelings and their influence on affectivity, permit to understand how athletes and coaches are affected and can affect sports training environment and, as well as it suggests the importance of encouraging sports. Keywords: Sport. Affectivity. Training. Emotions. Feelings. School.

  • LISTA DE QUADROS

    QUADRO 1 - CODIFICAO DAS VARIVEIS DO ESTUDO .............................. 866

    QUADRO 2 - MAPA AFETIVO MODIFICADO A PARTIR DO MODE