ergonomia e usabilidade aula 2: conceitos, engenharia de usabilidade

Download Ergonomia e Usabilidade AULA 2: Conceitos, Engenharia de Usabilidade

Post on 14-Aug-2015

56 views

Category:

Art & Photos

3 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

  1. 1. ERGONOMIA e USABILIDADE AULA 2: Conceitos Engenharia de Usabilidade Profa. Camila Hamdan http://www.camilahamdan.net JOGOS DIGITAIS
  2. 2. Ergonomia e Usabilidade so os principais conceitos que permitem a aplicao da usabilidade e da ergonomia no desenvolvimento de Interfaces Humano-Computador, conscientizando o leitor sobre a necessidade de considerar capacidades e limitaes dos usurios do sistema informatizado. Alm disso, apresenta maneiras de adequar perfeitamente este sistema s estratgias dos usurios, proporcionando-lhes a realizao de tarefas de modo mais eficaz, eficiente e agradvel. RESUMO DA DISCIPLINA
  3. 3. O QUE ERGONOMIA?
  4. 4. a disciplina cientfica relacionada ao entendimento das interaes entre seres humanos e outros elementos de um sistema, e tambm a profisso que aplica teoria, princpios, dados e mtodos para projetar a fim de otimizar o bem-estar humano e o desempenho geral de um sistema. Os ergonomistas contribuem para o projeto e avaliao de tarefas, trabalhos, produtos, ambientes e sistemas, a fim de torn-los compatveis com as necessidades, habilidades e limitaes das pessoas. ERGONOMIA
  5. 5. O QUE USABILIDADE? EficinciaEficincia Efetividade Efetividade Satisfao Satisfao
  6. 6. um termo usado para definir a facilidade com que as pessoas podem empregar uma ferramenta ou objeto a fim de realizar uma tarefa especfica e importante. A usabilidade pode tambm se referir aos mtodos de mensurao da usabilidade e ao estudo dos princpios por trs da eficincia percebida de um objeto. USABILIDADEUSABILIDADE
  7. 7. Na Interao Humano-computador e na Cincia da Computao, usabilidade normalmente se refere simplicidade e facilidade com que uma interface, um programa de computador ou um website pode ser utilizado. O Termo tambm utilizado em contexto de produtos como aparelhos eletrnicos, em reas da comunicao e produtos de transferncia de conhecimento, como manuais, documentos, ajudas online e jogos digitais. Tambm pode se referir a eficincia do design de objetos como uma maaneta ou um martelo, ou de hardwares como mouse, culos digitais ou qualquer sistema de interao.
  8. 8. A usabilidade est relacionada aos estudos de Ergonomia e de Interao Humano-computador. Segundo Barbosa [BARBOSA, 2010], "IHC uma disciplina interessada no projeto, implementao e avaliao de sistemas computacionais interativos para uso humano, juntamente com os fenmenos relacionados a esse uso". A usabilidade em meios digitais, como na internet, um termo muito utilizado tambm nas novas mdias e jogos. A necessidade de entender as necessidades dos interagentes no ambiente virtual facilita a compreenso do contedo disponibilizado, fazendo-o autossuficiente nos cliques do hipertexto. At quem tem dificuldade motora ou problemas de navegao por falta de conhecimento tcnico poder alcanar o que deseja o produtor da informao, se os processos de usabilidade forem respeitados, deixando o usurio da pgina web e jogos digitais mais vontade, mais independente.
  9. 9. Pela definio da International Organization for Standardization (ISO), usabilidade a medida pela qual um produto pode ser usado por usurios especficos para alcanar objetivos especficos com: Efetividade, Eficincia e Satisfao em um contexto de uso especfico (ISO 9241-11)
  10. 10. A efetividadeefetividade permite que o usurio alcance os objetivos iniciais de interao, e tanto avaliada em termos de finalizao de uma tarefa quanto tambm em termos de qualidade do resultado obtido. (ISO 9241-11)
  11. 11. Eficincia se refere quantidade de esforo e recursos necessrios para se chegar a um determinado objetivo. Os desvios que o usurio faz durante a interao e a quantidade de erros cometidos pode servir para avaliar o nvel de eficincia do jogo digital.
  12. 12. Asatisfao,amaisdifcildemedirequantificar,pois,estrelacionadacom fatoressubjetivos.Demaneirageral,satisfaoserefereaonveldeconforto queousuriosenteaoutilizarainterfaceequalaaceitaocomomaneirade alcanarseusobjetivosaojogar.
  13. 13. Segundoanormaanterior(parte11danormaISO9241)ausabilidadepode serespecificadaoumedidasegundooutrasperspectivas,comoporexemplo: Facilidade de aprendizado -ousuriorapidamenteconsegueexplorarosistema erealizarsuastarefas
  14. 14. Facilidade de memorizao - aps um certo perodo sem utiliz-lo, o usurio no frequente capaz de retornar ao sistema e realizar suas tarefas sem a necessidade de reaprendercomointeragircomele
  15. 15. Baixa taxa de erros -ousuriorealizasuastarefas sem maiores transtornos e capaz de recuperar erros,casoocorram;
  16. 16. Osbugsemgamesirritamosjogadoresemuitasvezesatrapalhama experinciaedinmicadojogo.Pormelespodemserengraadose bizarros,comoesses:
  17. 17. Meu pai um E.T!
  18. 18. Jogando de um modo diferente!
  19. 19. Conte-me mais...
  20. 20. Somos um s time!
  21. 21. O Grito!
  22. 22. No estou me sentindo muito bem!
  23. 23. A comida est quente!
  24. 24. Acho que malhei d+!
  25. 25. Meu novo look!
  26. 26. Posso te ajudar, mame?
  27. 27. Ok?...(Gif animado)
  28. 28. Uma volta no park!(Gif animado)
  29. 29. Explorando o territrio....(Gif animado)
  30. 30. A mulher aranha...(Gif animado)
  31. 31. Nos vemos em Nrnia..(Gif animado)
  32. 32. Olhar fatal!(Gif animado)
  33. 33. A mulher invisvel...(Gif animado)
  34. 34. Vou tentar de cabea!(Gif animado)
  35. 35. Meu nome James...Bond!(Gif animado)
  36. 36. Enfim ss!(Gif animado)
  37. 37. Deixa que essa minha!(Gif animado)
  38. 38. Vc falou alguma coisa?(Gif animado)
  39. 39. Joo na terra do gigante!(Gif animado)
  40. 40. Na defensiva!(Gif animado)
  41. 41. Sai pra l!(Gif animado)
  42. 42. Comemorao estranha!(Gif animado)
  43. 43. O conjunto de atributos representando a usabilidade evidencia o esforo necessrio para a utilizao de um software. Da mesma forma considerado o julgamento individual de seu uso atravs de um conjunto implcito ou explcito de usurios. Para tanto, os critrios de medio da caracterstica de usabilidade estabelecidos pela norma ISO 9241 reflete na:
  44. 44. Anlise das caractersticas requeridas do produto (jogo) num contexto de uso especfico; Anlise do processo deinterao entre usurio e produto (jogo); Anlise da eficincia (agilidade na viabilizao do trabalho), da eficcia (garantia da obteno dos resultados desejados) e da satisfao resultante do uso desse produto (jogo).
  45. 45. ENGENHARIADEUSABILIDADEENGENHARIADEUSABILIDADE
  46. 46. O QUE ENGENHARIA DE USABILIDADE?O QUE ENGENHARIA DE USABILIDADE?
  47. 47. A engenharia de usabilidade uma abordagem de projeto de sistemas, na qual so utilizados vrios nveis de usabilidade especificados quantitativamente, numa etapa anterior ao seu desenvolvimento, tendo como objetivo a tomada de decises de engenharia que vai ao encontro das especificaes atravs de medidas chamadas mtricas.
  48. 48. Trata-se, portanto, de uma abordagem metodolgica e de natureza cientfica de produo, que objetiva a entrega de um produto usvel ao usurio. Para isso, utiliza mtodos para agrupar requerimentos, desenvolver e testar prottipos, avaliar projetos alternativos, analisar problemas de usabilidade, propor solues e testes com usurio. H uma lista de etapas que descreve a sequncia do processo de engenharia de usabilidade:
  49. 49. definir objetivos de usabilidade utilizando mtricas; especificar nveis de usabilidade planejados que precisam ser alcanados; analisar o impacto de possveis solues de projeto; incorporar retorno derivado do usurio no processo de projeto; iterar atravs do ciclo projeto- avaliao-projeto at que os nveis planejados sejam alcanados.
  50. 50. BibliografiaBibliografia Barbosa, S. D. J., Silva, B. S. Interao Humano-Computador. Campus. 2010. CYBIS, W.A, BETIOL, A.H. & FAUST, R, Ergonomia e Usabilidade Conhecimentos, Mtodos e Aplicaes . Novatec Editora ISO (1999). ISO 13407: Human-centred design processes for interactive systems. Gnve: International Organisation for Standardisation. ISO (1997). ISO 9241-11: Ergonomic requirements for office work with visual display terminals (VDTs). Part 11 Guidelines for specifying and measuring usability. Gnve: International Organisation for Standardisation. ABERGO - Associao Brasileira de Ergonomia APERGO - Associao Portuguesa de Ergonomia CREE - Center for Registration of European Ergonomists ULAERGO - UNION LATINOAMERICANA DE ERGONOMIA IEA - International Ergonomics Association FEES - Federation of European Ergonomics Societies Websites para pesquisaWebsites para pesquisa

Recommended

View more >