regulamento da clÍnica de fonoaudiologia .1 regulamento da clÍnica de fonoaudiologia capÍtulo

Download REGULAMENTO DA CLÍNICA DE FONOAUDIOLOGIA .1 REGULAMENTO DA CLÍNICA DE FONOAUDIOLOGIA CAPÍTULO

Post on 21-Sep-2018

219 views

Category:

Documents

0 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

  • 1

    REGULAMENTO DA CLNICA DE FONOAUDIOLOGIA

    CAPTULO I

    DA CARACTERIZAO FUNCIONAL

    Art. 1 - A Clnica-Escola de Fonoaudiologia, unidade suplementar do Curso de

    Fonoaudiologia, subordina-se Faculdade So Lucas e, no que couber, ao Centro de

    Ensino So Lucas Ltda.

    Art. 2 - A Clnica-Escola de Fonoaudiologia da Faculdade So Lucas, doravante

    denominada somente Clnica de Fonoaudiologia, tem seu funcionamento disciplinado

    pelo presente regulamento, atendendo ao disposto no Regimento da Faculdade So

    Lucas.

    CAPTULO II

    DAS FINALIDADES

    Art. 3 - A Clnica de Fonoaudiologia destina-se a prestar assistncia sade

    fonoaudiolgica da populao sob a sua responsabilidade, especificamente no que

    concerne preveno, avaliao, aprimoramento e tratamento dos distrbios da

    comunicao humana; a oferecer condies apropriadas ao ensino de graduao e de

    ps-graduao aos alunos de Fonoaudiologia da Faculdade So Lucas; a promover a

    educao continuada e a integrao das atividades docentes assistenciais e de apoio

    pesquisa e extenso de forma a contribuir com a formao profissional, o avano do

    conhecimento cientfico e o atendimento s necessidades da comunidade quanto

    comunicao humana e promoo de qualidade de vida.

    CAPTULO III

    DOS OBJETIVOS

    Art. 4 - A Clnica de Fonoaudiologia tem os seguintes objetivos:

    a. Prestar assistncia integral ao usurio e sua famlia, desenvolvendo aes de

    promoo, preveno, aprimoramento, recuperao e reabilitao dos

    distrbios da comunicao humana;

  • 2

    b. Prestar servios em Fonoaudiologia nas reas de voz, linguagem, motricidade

    oral, audio e equilbrio corporal;

    c. Sensibilizar a comunidade em geral sobre os distrbios da comunicao

    humana e sua preveno, contribuindo para a promoo da sade

    fonoaudiolgica;

    d. Viabilizar as aes em sade para que o perfil epidemiolgico dos distrbios

    da comunicao seja minimizado e/ou erradicado;

    e. Servir como campo de aprendizado para o ensino de graduao em

    Fonoaudiologia por meio de estgios supervisionados, estgios de

    observao, aulas prticas, atividades complementares entre outros

    mecanismos necessrios slida formao do fonoaudilogo;

    f. Servir ao aperfeioamento dos fonoaudilogos, por meio dos programas de

    extenso, formao continuada e cursos de ps-graduao lato sensu e

    stricto sensu;

    g. Servir como campo de treinamento em organizao, administrao e

    manuteno de servios em sade;

    h. Desenvolver e contribuir para a realizao de projetos de investigao

    cientfica e tecnolgica no campo da Fonoaudiologia;

    i. Contribuir para a formao de profissionais da sade, por meio da atuao

    multi, inter e transdiciplinar, dentro do respeito s normas ticas e de

    responsabilidades profissionais;

    j. Tornar-se referncia de atendimento de sade na regio, atravs de prticas

    diferenciadas de atendimento humanizado, suporte tcnico e capacitao

    continuada da equipe que a constitui;

  • 3

    k. Investir em prticas comunitrias e/ou projetos sociais;

    l. Participar de aes de divulgao e outras que promovam a Fonoaudiologia

    como cincia e profisso.

    CAPTULO IV

    DA ORGANIZAO

    Art. 5 - A estrutura organizacional da Clnica de Fonoaudiologia composta por:

    I Coordenador do Curso;

    II Coordenador da Clnica;

    III Apoio Administrativo;

    IV Fonoaudilogos (professores-supervisores, fonoaudilogos contratados e

    fonoaudilogos autnomos);

    V Profissionais da equipe interdisciplinar (servio social, mdicos, entre outros),

    alm das parcerias com os servios de sade oferecidos no Campus da

    Faculdade (odontologia, nutrio, fisioterapia, laboratrio de anlises clnicas);

    VI Alunos de graduao e ps-graduao;

    VII Servios complementares, que envolvem a segurana, limpeza e

    manuteno.

    Art. 6 O Coordenador da Clnica deve ser fonoaudilogo regularmente inscrito no

    Conselho Regional de Fonoaudiologia, docente do Curso de Fonoaudiologia da

    Faculdade So Lucas, com titulao mnima de especialista, designado pela

    Coordenao do curso de Fonoaudiologia e aprovado pela Direo Acadmica,

    Administrativa e Geral.

    1 - O professor designado para Coordenador da Clnica dever dispor de um

    mnimo de 20 (vinte) horas/aula semanais para a atividade;

    2 - Ao coordenador da Clnica, em consonncia com a Coordenao do Curso

    de Fonoaudiologia, compete:

  • 4

    a. Responder administrativa e tecnicamente pela Clnica de Fonoaudiologia

    perante a sociedade, Faculdade So Lucas, Conselho Regional de

    Fonoaudiologia e demais rgos disciplinadores ou entidades da classe;

    b. Administrar e supervisionar de forma global, o funcionamento da Clnica de

    acordo com o que rege este regulamento;

    c. Propor normas e diretrizes para a celebrao de convnios ou parcerias com

    outras instituies, pblicas, privadas e no-governamentais ligadas a

    Fonoaudiologia e s suas reas de interdisciplinaridade desde que

    compatveis com o projeto pedaggico do Curso de Fonoaudiologia da

    Faculdade So Lucas, diretrizes institucionais e Cdigo de tica profissional

    do fonoaudilogo;

    d. Divulgar os servios prestados e demais informaes que forem necessrias

    para a veiculao da Fonoaudiologia como cincia e profisso;

    e. Supervisionar e manter o controle sobre os registros dos atendimentos,

    tornando-os disponveis para inspeo interna ou externa;

    f. Apresentar ao Coordenador do Curso de Fonoaudiologia e Direo Geral o

    relatrio anual das atividades realizadas na Clnica de Fonoaudiologia;

    g. Zelar pela ordem, aplicando sanes disciplinares de sua competncia e

    recomendar as demais aos seus superiores;

    h. Propor para instncias superiores medidas de aprimoramento das condies

    fsicas, humanas e materiais de sua competncia;

    i. Contribuir com o processo, realizado pelo Departamento de Talentos

    Humanos DTH, de seleo, admisso, remanejamento e demisso de

    funcionrios alocados na Clnica de Fonoaudiologia;

  • 5

    j. Controlar a freqncia e assiduidade dos funcionrios da Clnica de

    Fonoaudiologia;

    k. Supervisionar tcnica e administrativamente as rotinas da Clnica de

    Fonoaudiologia e dos atendimentos;

    l. Zelar pelo interesse dos usurios, discentes, docentes e pela imagem da

    Clnica de Fonoaudiologia junto comunidade e Faculdade So Lucas;

    m. Implementar, adequar, extinguir ou substituir modalidades de prestao de

    servios comunidade, de acordo com as diretrizes do projeto pedaggico do

    Curso de Fonoaudiologia da Faculdade So Lucas, bem como da demanda da

    sociedade;

    n. Informar periodicamente Coordenao do Curso acerca das rotinas das

    atividades acadmicas alocadas na Clnica de Fonoaudiologia;

    o. Estabelecer ou aprovar fluxo, rotinas e normas dos atendimentos;

    p. Distribuir semestralmente as salas e demais ambientes da Clnica de

    Fonoaudiologia de acordo com a necessidade das atividades desenvolvidas;

    q. Responsabilizar-se pelo controle e conservao dos materiais clnicos,

    tcnicos e administrativos da Clnica de Fonoaudiologia, solicitando reposio

    e manuteno quando necessrio;

    r. Responsabilizar-se pelo controle e conservao da infraestrutura fsica e

    patrimnio da Clnica de Fonoaudiologia, providenciando sua manuteno

    quando necessrio;

    s. Delegar atribuies a seus subordinados, sempre que necessrio ao bom

    cumprimento das finalidades da Clnica de Fonoaudiologia, observadas as

    limitaes legais;

  • 6

    t. Apresentar planejamento administrativo e oramentrio para o perodo

    subseqente ao trmino de cada ano ou quando solicitado por seus

    superiores;

    u. Realizar reunies com os fonoaudilogos, equipe interdisciplinar, apoio

    administrativo e/ou alunos, visando a integrao entre os mesmos, alm de

    orient-los em relao ao conhecimento e cumprimento deste Regulamento,

    assim como realizar planejamentos, notificaes e discusses para o bom

    funcionamentos dos servios prestados na Clnica de Fonoaudiologia;

    v. Elaborar a dinmica interna, bem como o cronograma de atividades do estgio

    e encaminhar ao coordenador do Curso para aprovao antes do incio de

    cada semestre letivo;

    w. Tomar, no mbito de sua competncia, as providncias para cumprir e fazer

    cumprir este Regulamento;

    x. Resolver, juntamente com a Coordenao do Curso, os casos omissos deste

    regulamento.

    Art. 7 O apoio administrativo composto de um administrador e respectivos

    auxiliares administrativos designados pelo Departamento de Talentos Humanos DTH

    e aprovados pela Diretoria Administrativa que desenvolvem suas atividades na

    recepo e sala de materiais da Clnica de Fonoaudiologia.

    1 - Ao apoio administrativo, em consonncia com a Coordenao da Clnica

    de Fonoaudiologia, compete:

    a. Prezar pelo bom funcionamento da Clnica de Fonoaudiologia, priorizando o

    atendimento aos pacientes;

    b. Informar coordenao da clnica os problemas ou sugestes de ordem

    estrutural fsica e/ou funcional, para otimizar o atendimento aos pacientes,

    alunos, professores e demais funcionrios que dela usufruem;

  • 7

    c. Fazer cadastros, agendamentos, convocaes e controle de frequncia dos

    usurios da Clnica de Fonoaudiologia;

    d. Controlar, organizar e gerenciar o arquivamento dos pronturios e demais

    documentos de registro dos atendimentos;

    e. Receber documentos dirig