cartilha - · pdf fileprodução, salários, impostos, aluguel, ......

Click here to load reader

Post on 25-Dec-2018

213 views

Category:

Documents

0 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

CartilhaCusto Social

Projeto de Extenso: Planejamentoe Controle de Custos para Formao

do Preo Justo de Vendas

2017 Copyright UNESC Universidade do Extremo Sul Catarinense

Av. Universitria, 1105 Bairro Universitrio C.P. 3167 88806-000 Cricima SC

Fone: +55 (48) 3431-2500 Fax: +55 (48) 3431-2750

Reitora

Luciane Bisognin CerettaVice-Reitor

Daniel Ribeiro PrevePr-Reitora de Ensino de Graduao

Indianara Reynaud Toreti BeckerPr-Reitor de Ps-Graduao, Pesquisa e Extenso

Oscar Rubem Klegues MontedoPr-Reitor de Administrao e Finanas

Thiago Rocha Fabris

Conselho EditorialDimas de Oliveira Estevam (Presidente)

ngela Cristina Di Palma Back

Fabiane Ferraz

Marco Antnio da Silva

Melissa Watanabe

Merisandra Crtes de Mattos Garcia

Miguelangelo Gianezini

Nilzo Ivo Ladwig

Reginaldo de Souza Vieira

Ricardo Luiz de Bittencourt

Richarles Souza de Carvalho

Samira da Silva Valvassori

Vilson Menegon Bristot

Curso de Cincias ContbeisCoordenador

Dourival GiassiCoordenadora Adjunta

Milla Lcia Ferreira Guimares

Universidade do Extremo Sul Catarinense

UNESC

CartilhaCusto Social

Projeto de Extenso: Planejamentoe Controle de Custos para Formao

do Preo Justo de Vendas

Organizadoras

Andria Cittadin

Jlia Constante Pereira

Colaboradores

Ktia Aurora Dalla Lbera Sorato

Manoel Vilsonei Menegali

Realdo Oliveira da Silva

Anderson Corra Benfatto

Francyne Marques da Silva

Idianete Paula Seque

Cricima, 2017

Editora da UNESC

Editor-Chefe:

Dimas de Oliveira Estevam

Reviso ortogrfica e gramatical: Carina Fernandes de Andrade de FreitasProjeto grfico, diagramao e capa: Luiz Augusto Pereira

As ideias e demais informaes apresentadas nesta obra so de inteira responsabilidade de seus organizadores.

Todos os direitos reservados. Nenhuma parte desta obra poder ser reproduzida, arquivada ou transmitida por qualquer meio ou forma sem prvia permisso por

escrito da Ediunesc.

5

Sumrio

Apresentao

O que o PEGC?

O que Economia Solidria

Objetivos da Cartilha

Por que registrar?

Vendas Dirias

Contas a Receber

Contas a Pagar

Fluxo de Caixa

Gastos Mensais

O uso das informaes coletadas para gerenciar o seu negcio

Calculando o Custo

Formando o Preo de Venda

Organizadoras

Colaboradores

6

7

8

8

10

11

12

12

13

14

15

16

19

21

22

6

Apresentao

O projeto de extenso Planejamento e Controle de Custos para Formao do Preo Justo de Vendas Custo Social surgiu da percepo sobre o pouco conhecimento de pequenos e mdios empreendedores, no que se refere gesto de Custos e do seu prprio negcio.

Deve-se ressaltar que a falta de informaes no gerenciamento do negcio pode comprometer todo o esforo e trabalho de anos. A Contabilidade, como rea responsvel em registrar, controlar, demonstrar e informar dados, vem suprir a carncia no que diz respeito aos controles de gesto e disponibilizao de informaes para a tomada de deciso.

De forma didtica, busca-se orientar a realizao de controles no mbito dos empreendimentos solidrios, visto que os envolvidos trabalham direta e simultaneamente nos setores de produo, comercializao e gesto do seu empreendimento.

7

O que o PEGC?

O PEGC Programa de Extenso em Gesto Contbil, criado pelo curso de Cincias Contbeis e vinculado Unidade Acadmica de Cincias Sociais Aplicadas da UNESC, tem como objetivo apoiar pessoas fsicas de baixa renda, sociedades civis sem fins lucrativos, bem como micro e pequenas empresas sem acesso s orientaes bsicas da contabilidade.

O programa em questo possui dois projetos de extenso, a saber:

a) Planejamento e Controle de Custos para Formao do Preo Justo de Vendas;

b) Programa de Assessoria e Consultoria Contbil e Organizao das Associaes de Pais e Professores APPs da Rede Pblica Municipal de Siderpolis-SC, ambos com abrangncia para o perodo de 2016-2018.

Com efeito, o PEGC tem como escopo o fortalecimento do vnculo teoria e prtica do exerccio profissional dos estudantes do Curso de Cincias Contbeis, proporcionando aprendizado prtico por meio do contato direto com a realidade econmico-social.

O objetivo do projeto Custo Social consiste em desenvolver uma metodologia, que oportunize a gesto de custos e formao do preo justo, aos empreendimentos participantes da Feira da Economia Solidria da UNESC.

8

O que a Economia Solidria?

A Economia Solidria uma alternativa econmico-social que atua em formas diferentes de negociao, combatendo a explorao do trabalho e a excluso social, alm de priorizar o desenvolvimento sustentvel.

Nessa forma de organizao de trabalho no existe um chefe, as atividades so realizadas em grupo, em forma de cooperativas, de modo que todos tenham os mesmos direitos e deveres.

Objetivos da Cartilha

Esta cartilha tem o objetivo de oportunizar que voc:

Conhea o seu empreendimento; Registre os seguintes dados:

Vendas dirias; Contas a receber; Contas a pagar; Fluxo de caixa; Gastos mensais.

Faa um Demonstrativo do Resultado; Forme um preo de venda justo; Use as informaes para o gerenciamento do seu

empreendimento solidrio.

9

Voc j se perguntou:

- Eu conheo o meu empreendimento? - No? - Ento, hora de conhecer!

Para gerenciar o seu negcio necessrio ter uma viso de onde se quer chegar no futuro, qual o objetivo e como agir para chegar l! Tambm, importante conhecer os seus clientes para desenvolver melhores estratgias de vendas e marketing, bem como aprimorar a qualidade dos produtos e servios oferecidos para o seu pblico alvo.

10

fundamental registrar todas as operaes do seu negcio, as compras, as vendas, os pagamentos, recebimentos e outros dados. Com isso, obtm-se informaes para realizar o planejamento de onde se quer chegar no futuro, assim como traar planos de aes para o alcance dos objetivos do empreendimento. Com o registro possvel acompanhar e controlar se essas metas esto sendo alcanadas, bem como identificar pontos fortes e frgeis para corrigir as aes em tempo.

Por que registrar?

11

Exemplo de planejamento:Exemplo de planejamento:

Objetivo Como? Onde? Quando? Quem?

Vender R$1.000,00 por semana

Planejar a produo necessria de 200

unidades de produtos FES/UNESC Quarta-feira Maria

Para acompanhar se os objetivos traados no planejamento esto sen-

do alcanados preciso monitorar o andamento do negcio por meio de controle de vendas, contas a receber, contas a pagar, fluxo de caixa e outros tipos de controle.

Vendas Dirias

Torna-se necessrio registrar as vendas dirias e conhecer qual foi o lucro gerado por essas vendas. Essas informaes so necessrias para fa-cilitar a visualizao do desempenho do empreendimento com relao s vendas, aos custos e aos lucros. Recomenda-se que voc faa esse controle diariamente, at o trmino de cada ms e aponte se foi vista, a prazo ou no carto. Ao final do ano, voc saber quanto vendeu.

VENDAS DIRIAS

MS: ANO:

Data Cd. Descrio do produto Quant. Forma de Recebimento

Valor VISTA CARTO A PRAZO

Total Dirio:

12

Contas a Receber

Contas a Pagar

Para realizar o controle de contas a receber, necessria muita organi-zao do empreendedor. Esse controle fornece informaes para tomada de deciso sobre o dinheiro, que o empreendimento tem a receber das vendas a prazo, sendo o primeiro passo para colocar suas finanas em ordem.

Para esse controle, voc pode dispor de uma planilha mensal e prestar ateno ao vencimento das contas de cada client e, podendo registrar as formas e datas de recebimento, bem como as informaes do produto ad-quirido pelo cliente.

MS: ANO:

Data Vencimento Cliente N.

Documento Valor (R$)

Data Recebimento

Forma Recebimento

Status Em

aberto Recebido

Total a Receber: Total Recebido:

O controle de contas a pagar mostra as obrigaes assumidas pelo empreendimento, representadas por compra de mercadorias, materiais para produo, salrios, impostos, aluguel, emprstimos, entre outros. O controle cuidadoso das contas a pagar, tambm, deve fazer parte da rotina do empre-endimento. Assim, voc conseguir visualizar suas dvidas com terceiros e identificar a forma de pagamento utilizada.

MS: ANO:

Data de Emisso

Vencimento Fornecedor Documento Valor (R$)

Data Pagamento

Forma Pagamento

Status Em

aberto Pago

Total a Pagar: Total Pago:

13

Fluxo de Caixa

Fluxo de Caixa um controle para informar recebimentos e pagamentos de um determinado perodo, ou seja, as entradas e sadas de caixa. Pode ser realizado de forma diria, semanal ou mensal, e composto por dados obti-dos nos controles de contas a pagar, contas a receber, de vendas, bem como de gastos mensais.

Tem o objetivo de possibilitar a identificao das sobras e faltas no caixa, permitindo ao empreendimento planejar melhor suas aes futuras e acompanhar o seu desempenho financeiro, assim como prever a necessidade de captao de recursos ou aplicao de forma mais rentvel.

FLUXO DE CAIXA

MS: