fazendo gestão da qualidade através das pessoas

Download Fazendo Gestão da Qualidade através das Pessoas

If you can't read please download the document

Post on 05-Dec-2014

253 views

Category:

Leadership & Management

3 download

Embed Size (px)

DESCRIPTION

Pessoas fazem a qualidade acontecer. Uma boa condução dos trabalhos de gestão com pessoas comprometidas e participativas trazem como consequência bons resultados.

TRANSCRIPT

  • Eng.Prof. Milton Augusto Galvo ZenCiclo de Treinamento 2014Qualidade atravs das Pessoas

  • Milton Augusto Galvo Zen

    Engenheiro Eletricista, de Segurana do Trabalho e Administrador de Empresas.

    Consultor e instrutor na rea automobilstica.

    MAGZEN Desenvolvimento & Educao: Diretor Executivo. Desenvolve aes no sentido de multiplicar conhecimento nas reas de Gesto de Pessoas, de Manuteno, de Ativos e de Segurana do Trabalho & Preveno de Riscos Industriais.

    Mercedes-Benz do Brasil: Foi Gerente de Segurana do Trabalho e Preveno de Riscos Industriais. Foi Gerente de Operaes e Segurana do Trabalho, Gerente de Estamparia, de Tecnologia de Produo e Projetos Industriais e tambm Gerente de Coordenao de Engenharia de Segurana do Trabalho. Foi na mesma empresa Gerente de Manuteno, Coordenador TPM/5S e Lder Kaizen.

    Abraman-Associao Brasielira de Manuteno. Atualmente Diretor da Filial V SP/MS. Foi Conselheiro, tendo sido Diretor Nacional, Diretor e Vice-Diretor da Regional SP. Instrutor dos cursos: GEMAN Gesto da Manuteno, GEMAP Gesto da Produo, A Organizao da Manuteno na Pequena e Mdia Empresa e Poltica de Manuteno - A busca da Funo Manuteno na Empresa Moderna.

    IESP-Insituto de Engenharia de So Paulo. Foi Diretor Depto. Engenharia Industrial e Agronmica do IE e Vice-Coordenador da Diviso de Manuteno.

    FEI-IECAT - Professor e Coordenador do Curso de Ps-Graduao em Gesto da Manuteno e de Ativos e Professor do curso de Ps-Graduao de Segurana do Trabalho.

    Pragma AcademyUnicastelo Professor do Curso de Ps-Graduao em Gerenciamento da Manuteno.

    Trabalhos Tcnicos e Livros - Autor de vrios artigos publicados no Brasil e no Exterior. Autor do livro Fator Humano na Manuteno QualityMark.

    Blogs Vrios j publicados contemplando desde assuntos de gesto de pessoas, manuteno, segurana do trabalho, preveno de riscos a gesto empresarial.

    Minha vida conduzida por Jesus Cristo.

  • Livros Publicados

    1. Fator Humano. Editra Qualitymark - 20022. Fator Humano na Manuteno. Editra Qualitymark - 2004

  • Milton Augusto Galvo Zen

    MAGZEN Desenvolvimento & Educaohttp://www.magzen.eng.brFone: 11 4396-2894 Cel.: 11-99902-8041E-mail: magzen@magzen.eng.br magzen@uol.com.br milton.zen@gmail

    ABRAMANhttp://www.abraman.org.brFone: 3663-2363E-mail: diretor.filial5@abraman.org.br

    Centro Universitrio da FEIF: 11-3207-6800E-mail: magzen@fei.edu.brhttp://twitter.com/magzenhttp://www.linkedin.com/in/magzenhttps://www.facebook.com/MAGZEN.Consultoria

  • APERFEIOAMENTO CONTNUOTECNOLOGIA, RENOVAO DE COSTUMES E COMPORTAMENTO => MUDANAS DAS NECESSIDADES DOS CLIENTES.ACOMPANHAR/ANTECIPAR MUDANAS => GARANTIA DE MERCADO E DE ABERTURA DE NOVOS NEGCIOS.A LEI DO CONSUMIDOR => CRESCENTE ORGANIZAO DA SOCIEDADE CIVIL. => GARANTIA DE PRODUTOS E SERVIOS.QUANDO A EMPRESA OFERECE MAIS => ADMIRAO DOS CLIENTESCRIAR UM CONJUNTO DE INDICADORES PARA COMPARAES ANALISAR/AVALIAR MELHORIAS E INOVAES INTRODUZIDAS.

  • AUMENTO DAS COMUNICAESTRANSPARNCIA NO FLUXO DE INFORMAESIMPORTANTE O CONHECIMENTO DO NEGCIO, A MISSO, OS PROPSITOS E OS PLANOS EMPRESARIAIS.PARTICIPAO COLETIVA NA DEFINIO DOS OBJETIVOS A MELHOR FORMA DE ASSEGURAR O COMPROMISSO DE TODOS.PROMOVER MAIOR CONHECIMENTO DO PAPEL DA ATIVIDADE DE CADA UM.IMPLEMENTAR MAIOR COMUNICAO COM O CLIENTE, EFETIVO OU POTENCIAL, TRANSMITINDO A ELES A IDIA DA MISSO DA EMPRESA, OBJETIVOS, PRODUTOS E SERVIOS.

  • CONSTNCIA DE OBJETIVOSNOVOS PROCESSOS SO IMPLEMENTADOS DE FORMA LENTA E GRADUAL, LEVANDO-SE EM CONTA A CULTURA DA ORGANIZAO.OS NOVOS PRINCPIOS DEVEM SER REPETIDOS, REFORADOS E ESTIMULADOS EM SUA PRTICA.E NECESSRIO TER COERNCIA NAS IDIAS E TRANSPARNCIAS NA EXECUO DE PROJETOS.AS PRIORIDADES DENTRO DA ORGANIZAO SO SEMPRE DETERMINADAS PELAS ATITUDES E COBRANAS DOS DIRIGENTES. FUNDAMENTAL O PLANEJAMENTO ESTRATICO.

  • DELEGAOUM MELHOR CONTROLE DE DESEMPENHO OBTM-SE ATRAVS DA RESPONSABILIDADE ATRIBUDA A CADA UM.PRESENA EM TODO LUGAR IMPOSSVEL. PORTANTO, DEVE-SE DELEGAR COMPETNCIAS.E NECESSRIO SABER A QUEM DELEGAR. CONDIES TCNICAS E EMOCIONAIS SO IMPORTANTES.DELEGAR REPRESENTA INSTALAR O PODER DE DECISO O MAIS PRXIMO DA AO.O BOM SENSO DEVE PREVALECER.COMO O CLIENTE ATENDIDO DETERMINA A APROXIMAO OU REJEIO DA EMPRESA.

  • DESENVOLVIMENTO DE RHAQUELES QUE ACREDITAM NO TRABALHO TEM ESPRITO DE COLABORAO E INICIATIVA.A MATRIA PRIMA MAIS IMPORTANTE : O COLABORADOROS COLABORADORES DEVEM SER TRATADOS COM O RESPEITO E DIREITO QUE MERECEM.BUSCAM ALM DA REMUNERAO ADEQUADA, ESPAO, OPORTUNIDADES, PARTICIPAO, CRESCIMENTO PROFISSIONAL E RECONHECIMENTO.NOVA POSTURA OBTM-SE TAMBM ATRAVS DO CONHECIMENTO DO NEGCIO E DAS METAS DA ORGANIZAO.DEVE-SE APROVEITAR OS CONHECIMENTOS TCNICOS E EXPERINCIAS DO COLABORADOR.INVESTIR EM EDUCAO, TREINAMENTO, FORMAO E CAPACITAO.

  • PLANEJAMENTO E SISTEMATIZAOA FORMALIZAO BASEIA-SE NA ESTRUTURAO DA DOCUMENTAO ESCRITA, DE FCIL ACESSO E QUE PERMITA RASTREABILIDADE.O REGISTRO E O CONTROLE DAS ETAPAS RELATIVAS A GARANTIA PROPORCIONAM MAIOR CONFIABILIDADE AO PRODUTO.NA ATIVIDADE PRODUTIVA => FAZER CERTO DA PRIMEIRA VEZ => DESEJVEL.EM SERVIO => ACERTAR NA PRIMEIRA FUNDAMENTALUTILIZA-SE DA GERNCIA DE PROCESSOS.GARANTIA DA QUALIDADE

  • NO ACEITAO DE ERROSPADRO DE DESEMPENHO: " ZERO DEFEITO "PENSAMENTO DEVE SER INCORPORADO A MANEIRA DE RACIOCINAR DOS COLABORADORES E DIRIGENTES.TODOS DEVEM TER CLARO O QUE " CERTO ".NASCE DO CONSENSO ENTRE ORGANIZAO E CLIENTE E DEVE SER INCORPORADO AO PROCESSO.LOCALIZAR DESVIOS E PLANEJAR AES CORRETIVAS.PREVENIR ERROS MAIS BARATO DO QUE CORRIG-LOS.ERRO DE CONCEPO DE PROJETO PODE COMPROMETER TODO O EMPREENDIMENTO.

  • NOVOS VALORES E ATITUDESATENCO AO QUE RECEBEMOS EM NOSSO DIA A DIA: POSTO DE GASOLINA, PADARIA, SUPERMERCADO, VIDEOLOCADORA, ETC.CLIENTE DEVERIA SER O CENTRO DA ATENO.ESFORO PARA MUDANA E PERSISTNCIA PARA INCENTIVAR PESSOAS A MUDAR COMPORTAMENTO. LENTO E GRADUAL.INTRODUO DE NOVA CULTURA NA ORGANIZAO TORNA-SE PREMENTE.NOVAS ATITUDES, VALORES E OBJETVOS => UMA NECESSIDADE PARA A SOBREVIVNCIA DA EMPRESA

  • SATISFAO DO CLIENTEO CLIENTE A PESSOA MAIS IMPORTANTE PARA A ORGANIZAO.O CLIENTE A PRPRIA RAZO DE EXISTNCIA DE UMA ORGANIZAO.A ORGANIZAO DEVER ESTAR EM CONSTANTE TROCA DE INFORMAES COM O CLIENTE.A ORGANIZAO PRECISA PREVER A NECESSIDADE E SUPERAR EXPECTATIVAS DO CLIENTE.

  • GERNCIA PARTICIPATIVANECESSRIO CRIAR E IMPLEMENTAR A PARTICIPAO.ESTE PROCESSO FORTALECE DECISES, MOBILIZA ESFOROS E TRAZ COMPROMISSO.TRAZ RESPONSABILIDADE.SINERGIA. O TODO MAIOR QUE A SOMA DAS PARTES.IDIAS DEVEM SER ESTIMULADAS E A CRIATIVIDADE APROVEITADA.GERENCIAR SINNIMO DE LIDERAR.DEVE-SE ELIMINAR O " MEDO ". E OUVIR SEMPRE OS COLABORADORES.

  • GERNCIA DE PROCESSOSALIADO AO CONCEITO CLIENTE - FORNECEDOR EST O COLABORADOR PARA DERRUBAR MUROS INTERNOS A ORGANIZAO.A ORGANIZAO UM GRANDE PROCESSO QUE DEVE ATENDER AS NECESSIDADES E EXPECTATIVAS DOS CLIENTES E USURIOS.DEVE PRODUZIR BENS E SERVIOS GERADOS A PARTIR DE INSUMOS RECEBIDOS E BENEFICIADOS E/OU MANUFATURADOS COM RECURSOS HUMANOS E TECNOLGICOS.PARTIO DO GRANDE PROCESSO AT A TAREFA INDIVIDUAL.INTERLIGAO DA CADEIA CLIENTE - FORNECEDOR.

  • Se todos Participam !TIM!!! TIM!!!O SUCESSO SER DE TODOS.

  • Muito Obrigado

    ************

Recommended

View more >