migra§aosisimica - aulajosiasjul2006

Download Migra§aoSisimica - AulaJosiasjul2006

Post on 07-Jun-2015

752 views

Category:

Documents

0 download

Embed Size (px)

DESCRIPTION

arquivo1

TRANSCRIPT

Migrao Ssmica

Migrao SsmicaBruno Mendes

Migrao Ssmica

Sismograma vs Seo MigradaQual a diferena?

Migrao Ssmica Imaginemos uma situao bem simples...Radar x1 , v1

x2 , v2

possvel descrever em cada instante qual era a posio correta do carro?

Sim, se supusermos que a acelerao foi constante no percurso! Mas como so calculadas essas posies? Atravs da equao do movimento :

r 2 a t s s0 v0 t 2

Migrao Ssmica ...e outra mais complexa.

t1 t5

t2

t3

t4 t5

possvel obter a temperatura nos pontos interiores da placa por meios dos dados perifricos ti e ? Sim, se supusermos a condutividade trmica k constante em cada camada. Mas como so calculados esses limites? Utilizando a Equao do Calor :

t6

t6

t7

t7

t8

t8

Fluxo de Calor =

T k t x

Migrao Ssmica Sendo assim possvel mapear refletores em sub-superfcie que refletiram as ondas detonadas por uma certa fonte atravs apenas dos sinais detectados na superfcie? Sim, utilizando para isso a equao da onda:

2 u ( x , z , t ) 2 u ( x, z , t ) 1 2u ( x, z , t ) fonte( x, z , t ) 2 2 2 2 x z v ( x, z ) t

O processo pelo qual um certo dado, ou condio de contorno, usado para obter-se solues especficas de uma equao chamado de migrao.No caso da ssmica a condio de contorno usada o sismograma e o processo chamado de migrao ssmica.

Migrao Ssmica

SISMOGRAMA

MIGRAO

Migrao Ssmica

Mas como um dado coletado no decorrer do tempo em apenas um linha do domnio que deseja-se observar pode nos dar o posicionamento correto das reflexes, ou dos locais onde ela ocorreu? Pensemos...1) Desejamos descobrir superfcies refletoras em subsuperfcie. 2) Mas para isso precisamos descobrir em que posio em subsuperfcie essa reflexo foi gerada.

3) E em que momento esta reflexo ocorreu. Extrapolao do campo de onda em profundidade

Migrao Ssmica Mas at quando eu devo extrapolar o campo? Que critrio eu devo usar para preencher ou montar a minha seo migrada atravs dessa dado extrapolado? Estabelecimento de uma condio de imagem Idia Central Se um dado sinal em um dos traos do meu dado bruto foi adquirido em um tempo tdr por quanto tempo ele deve ser extrapolado em profundidade para que ele retorne a posio na qual a reflexo foi gerada? Tempos de trnsito ? da onda direta

Textrapolao = tdr - tpropagaoCondiao de Imagem

Migrao Ssmica A Migrao Ssmica pode ser dividida em classes quanto a forma da resolvermos a equao da onda:

. Por rotaes de fase usando a equao da onda no domnio da frequncia(F-K, Phase Shift, PSPI, Split-Step,...) . Por discretizaes da equao da onda usando ou elementos finitos ou diferenas finitas (RTM,...) . Pela resoluo da equao da onda na sua forma integral (Mtodo de Kirchhoff ou Migrao Kirchhoff)

Migrao Ssmica ... quanto a dimenso: 2D ou 3D em tempo ou em profundidade

... quanto ao uso de modelo de velocidade:

. PSDM - ... Depth Migration e PSTM - ... Time Migration ... quanto ao modo como manipularmos as familias de tiro comum:

. Pre-stack (Pr-empilhamento) . Pos-Stack (Ps-empilhamento). Registro de Mltiplas Fontes

Migrao Ssmica ... quanto a dimenso:

2D

Migrao Ssmica

3D

Migrao Ssmica ... quanto ao uso de modelo de velocidade:

em profundidade

em tempo

Migrao Ssmica ... quanto ao modo como manipulamos os sismogramas:

Pos-stack MigrationConsiste na migrao de um nico dado por linha ssmica oriundo de processos matemticos realizados sobre o sinal bruto (famlias de tiro comum) e da obteno das chamadas sees zero offset atravs do empilhamento de famlias CMP, ou seja da migrao aps o empilhamento. Neste processo a necessidade dos dados sofrerem processamentos digitais (CDP, NMO, etc) para que esta soma se de com o critrio de minimizar-se ao mximo a razo sinal rudo do sismograma final.CMP1(x1,t), CMP2 (x2, t),... , CMPn (xn, t)Stack Migration

Seo Zero Offset

MIG(x,z)

Migrao Ssmica

Pre Stack Migration - Migrao Pr-Processamento:

Consiste na migrao dos dados ssmicos antes destes serem empilhados e, portanto, sofrerem processamentos digitais.

CMP1(x1,t), CMP2 (x2, t),... , CMPn (xn, t)

Migration

MIG1(x1, z=0,t), MIG2 (x2, z=0,t),... , MIGn (xn, z=0,t),

Stack

MIG(x,z)

Migrao Ssmica

Migrao Ssmica

Ps

Pr

Migrao Ssmica

Registros de Mltiplas FontesO registro de mltiplas fontes uma tcnica de empilhamento de familias de tiro comum que simula o registro de uma detonao de vrias fontes, simultaneamente ou com atraso, gerando um s sismograma, o chamado SUPERSISMOGRAMA. Em termos de migrao ssmica considerada um mtodo misto, j que h empilhamentos antes de depois da migrao (respectivamente pos stack e prestack migration). Sem delay Com delayArranjo fonte-receptor x0 xf

p0

p f (t )

p0Com x0 = 1 tiro ep constante

p0Com xf = 1 tiro e p constante

Diferentes tipos de detonao dependentes do atraso dado por.

Migrao Ssmica

Sismograma sinttico de um nico tiro na posio x = 500 no interior do modelo Marmousi.

Migrao Ssmica

+

+

...

Atrasos nulosArranjo fontereceptor

x0 xf

Registro de mltiplas fontes no modelo Marmousi.

p0

Migrao Ssmica H ainda a possibilidade de simular atravs dos dados brutos um experincia ainda mais ousada: A sntese de ondas planas em subsuperfcie, acima de um determinado objetivo, tcnica conhecida como Migrao Orientada ao Alvo (ou iluminao controlada).

Esta tcnica surgiu dos trabalhos pioneiros de Berkhout na dcada de 80 que sups num livro sobre sntese de frentes de onda, publicado na mesma poca que era possvel dar um passo alm: Sintetizar no uma onda plana, mas um trao, um arco, um nico ponto em superfcie, numa tcnica intitulada Common Focus Point. Mas essa uma ooooutra histria...

Migrao Ssmica

Migrao Ssmica

Migrao Ssmica

Migrao Ssmica

Migrao Ssmica

Migrao Ssmica

Migrao Ssmica

Migrao Ssmica

Migrao Ssmica

OBRIGADO PELA ATENO!

Se voc no conseguir tirar do seu sofrimento algo que o torne mais forte e mais sbio, ele no ter valido de absolutamente nada. Fbio FantozziOficial do Exrcito Brasileiro

Migrao Ssmica

Migrao Ssmica

Migrao Ssmica

Velocidade (m/s)

Modelo de velocidade tpico da Bacia do Solimes.

Migrao Ssmica

Migrao Ssmica

Migrao Ssmica

Migrao Ssmica

Migrao Ssmica

Migrao Ssmica

Migrao Ssmica

Migrao Ssmica

Migrao Ssmica

Migrao Ssmica

Migrao Ssmica

Migrao Ssmica

Migrao Ssmica

Migrao Ssmica

Migrao Ssmica

Migrao Ssmica

Migrao Ssmica

Migrao Ssmica

Migrao Ssmica