pontifícia universidade católica de são paulo puc-sp · pdf file...

Click here to load reader

Post on 31-Jul-2020

0 views

Category:

Documents

0 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

  • 1

    Pontifícia Universidade Católica de São Paulo PUC-SP

    Tatiana Pontes de Oliveira

    Caminhar, fotografar, fabular

    Entre a cidade e a fotografia

    Doutorado em Comunicação e Semiótica

    São Paulo 2017

  • 2

    Pontifícia Universidade Católica de São Paulo PUC-SP

    Tatiana Pontes de Oliveira

    Caminhar, fotografar, fabular

    Entre a cidade e a fotografia

    Tese apresentada à Banca Examinadora da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo como exigência parcial para obtenção do título de Doutora em Comunicação e Semiótica, sob orientação da Profa. Dra. Lucrécia D’Alessio Ferrara.

    São Paulo 2017

  • 3

    Banca Examinadora

    ______________________________________

    ______________________________________

    ______________________________________

    ______________________________________

    ______________________________________

  • 4

    Agradecimentos

    À Professora Lucrécia D´Alessio Ferrara pela excelente e dedicada

    orientação, pelas inspiradoras aulas e conversas que marcaram a trajetória

    dessa pesquisa e meu olhar como pesquisadora.

    Ao Professor Norval Baitello Jr. pelas aulas estimulantes e pelas

    observações na qualificação da tese. À Professora Marlivan Moraes de Alencar

    pela cuidadosa leitura da tese e apontamentos na banca de qualificação e por

    todos os outros momentos de diálogo.

    Aos fotógrafos Daniel Ducci, Felipe Russo, Fernando Cohen e Weslei

    Barba, pela generosidade e conversas sobre seus processos de fotografar a

    cidade.

    Aos companheiros do grupo de pesquisa ESPACC, pelos ricos diálogos e

    debates, pela pesquisa coletiva e colaborativa que tanto influenciou essa tese.

    Aos amigos Camila Garcia, Ed Figueiredo, Fernanda Romero, Maína

    Fantini, Paulo Rossi, por estarem sempre perto para diálogos, leituras e críticas

    que contribuíram para este trabalho.

    Aos meus pais, Plinio e Rosaura, pelo amor e apoio de sempre e em todos

    os sentidos. Ao Lourival e Ivonete pelo apoio e carinho.

    Aos queridos Nana, João e Sandro pela sempre ótima companhia e pelos

    melhores momentos de descanso nos intervalos da pesquisa.

    Ao Daniel, meu companheiro para a vida, por todo amor e por tudo que

    estamos construindo juntos.

    E à CAPES, pela concessão de bolsa de estudos que permitiu a

    realização desta pesquisa.

  • 5

    Resumo

    Esta pesquisa trata das relações entre a fotografia e a cidade, tendo como objeto de estudo a

    fotografia contemporânea produzida pelo caminhar na cidade. O ponto de partida da pesquisa é a

    pergunta “Como se dá a interação entre a cidade e a fotografia, tendo em vista o caminhar como

    procedimento usado pelos fotógrafos como estratégia para se colocarem em comunicação com a

    cidade?”. As principais hipóteses levantadas por essa questão se constituem do seguinte modo: a)

    Por ter simultaneamente um caráter documental e ficcional, a fotografia é meio comunicativo

    ambivalente; b) A cidade também se caracteriza pela ambivalência por ser um ambiente onde se

    processam vivências interativas e hábitos regidos por programas de ordem mediativa; c) A

    interação entre as ambivalências da linguagem fotográfica e as da cidade potencializa a criação

    de imagens que tornam visíveis os processos da cidade e o imaginário do fotógrafo afetado por

    ela. A fim de verificar as hipóteses da pesquisa, realizou-se ampla revisão bibliográfica para

    fundamentar a análise empírica das relações entre cidade, imagem e comunicação, além da

    natureza da linguagem fotográfica e sua ambivalência caracterizada por traços documentais e

    ficcionais. A fundamentação teórica acompanha o objetivo de cada capítulo, de modo que, no

    capítulo 01, a Imagem é estudada a partir de uma rede que conecta três autores: Warburg,

    Benjamin e Flusser. O estudo do conceito de imagem tem por objetivo fundamentar os capítulos

    seguintes, nos quais é tratada a relação entre a fotografia e a cidade. No capítulo 02 a

    fundamentação teórica relaciona conceitos para pensar a cidade e seus processos comunicativos

    mediativos e interativos, e suas dimensões de tecnosfera e psicosfera, como proposto,

    respectivamente, por Ferrara e Santos. Há também uma investigação sobre a ambivalência e as

    especificidades da linguagem fotográfica considerando as relações entre as obras de Barthes,

    Dubois, Kossoy, Soulages e Fontcuberta. Por fim, o capítulo 03 analisa o procedimento de

    caminhar, usado pelos fotógrafos como estratégia poética para se colocar em contato com a cidade

    e apreender suas manifestações. Tendo como objeto de estudo os trabalhos fotográficos de Daniel

    Ducci, Felipe Russo, Fernando Cohen e Weslei Barba, o foco de análise se colocou sobre o modo

    como os fotógrafos fabulam sobre a cidade criando novas possibilidades de entendimento das

    imposições e espontaneidades propostas por ela, considerando as experiências de fotografar e

    fabular como gestos de resistência.

    Palavras-chave: imagem; fotografia; cidade; linguagem fotográfica; fabulação.

  • 6

    Abstract

    This research addresses the relationship between photography and the city, having as its object of

    study the contemporary photography produced by walking in the city. The starting point of the

    research is the question "How does the interaction between the city and the photography happen,

    considering walking as the procedure used by photographers as a strategy to establish

    communication with the city?". The main assumptions raised by this question are as follows: a)

    for having both documentary and fictional features, the photography is an ambivalent means of

    communication; b) The city is also characterized by ambivalence for being an environment in

    which interactive experiences and habits are governed by mediative order programs; c) The

    interaction between the ambivalences of the photographic language and the city enhances the

    creation of images that make visible the processes of the city and the photographer's imaginary

    affected by it. In order to verify the hypotheses present in this research, an extensive literature

    review was carried out to support the empirical analysis of the connections between the city,

    image and communication, as well as the nature of the photographic language and its ambivalence

    characterized by documentary and fictional traits. The theoretical foundation follows the goal in

    each chapter, therefore, in Chapter 01, the image is studied out of a network that connects three

    authors: Warburg, Benjamin and Flusser. The study of the image concept aims to support the

    following chapters, in which the relationship between photography and the city is addressed. In

    Chapter 02, the theoretical foundation links concepts for thinking on the city and its

    communicative mediative and interactive processes, as well as its dimensions of technosphere

    and psychosphere, as proposed respectively, by Ferrara and Santos. There is also an investigation

    on the ambivalence and the specificities of the photographic language taking into account the

    connections among works by Barthes, Dubois, Kossoy, Soulages and Fontcuberta. Finally,

    Chapter 03 analyzes the procedure of walking, used by photographers as a poetic strategy to put

    themselves in touch with the city and seize its manifestations. Having as object of study the

    photographic works by Daniel Ducci, Felipe Russo, Fernando Cohen and Wesley Barba, the focus

    of analysis is on how photographers "fable" about the city by creating new possibilities for

    understanding its impositions and spontaneity proposals, considering the experience of

    photographing and “fabling” as gestures of resistance.

    Key words: image; photography; city; photographic language; “fabling”.

  • 7

    Caminhar, fotografar, fabular

    Entre a cidade e a fotografia

    Introdução -------------------------------------------------------------------------------------- 09

    Capítulo 01

    Pensar por imagens: entre a imobilidade das superfícies e a mobilidade

    do olhar ----------------------------------------------------------------------------------------- 13

    A Arqueologia como estratégia metodológica ----------------------------------------- 14

    A pós-vida da imagem ----------------------------------------------------------------------- 23

    Atlas Mnemosyne como pensamento visual ------------------------------------------- 28

    Nachleben, Pathosformel e Fotografia -------------------------------------------------- 33

    A imagem como lampejo -------------------------------------------------------------------- 40

    Imagem dialética e Atlas Mnemosyne --------------------------------------------------- 45

    Imagem dialética e Fotografia ------------------------------------------------------------- 50

    A imagem como superfície --------------------------------

View more